Diversidade em Ciência #5: A música como construção de identidades

Rice mixou os álbuns “Dancê”, de Tulipa Ruiz, e “A Mulher do Fim do Mundo”, de Elza Soares, que ganharam o Grammy Latino de 2015 e 2016, respectivamente

Por
Jornal da USP
Jornal da USP
Diversidade em Ciência #5: A música como construção de identidades
/

No Diversidade em Ciência Ricardo Alexino Ferreira entrevista Victor Rice, músico, produtor e engenheiro de mixagem, nascido em Nova York, nos Estados Unidos, e formado pela Manhattan School of Music. Ele trabalhou como produtor e engenheiro das bandas Bixiga70 e os Slackers.

Entre os seus trabalhos de mixagem, destacam-se artistas como Marcelo Camelo, Mallu Magalhães, Curumim e Anelis Assumpção. Ele mixou os álbuns Dancê, de Tulipa Ruiz, e A Mulher do Fim do Mundo, de Elza Soares, ganhadores do Grammy Latino de 2015 e 2016, respectivamente.

Durante a entrevista, Rice fala sobre a música brasileira e suas identidades. Ele também fala de seus dois álbuns solo, Smoke (2017) e Drink (2020), que trazem as batidas rocksteady, da Jamaica, misturadas com o samba brasileiro. Os dois álbuns foram lançados pelo selo Easy Star Records.


Diversidade em Ciência

O Diversidade em Ciência é um programa de divulgação científica voltado para as ciências das diversidades e direitos humanos, e vai ao ar toda segunda-feira, às 13 horas, com reapresentações às terças-feiras, às duas horas da manhã, e aos sábados, às 14 horas, com direção e apresentação do jornalista e professor da ECA-USP e membro da Comissão de Direitos Humanos da USP, Ricardo Alexino Ferreira, e operação de áudio de João Carlos Megale.

O Diversidade em Ciência é gravado nos estúdios do Departamento de Comunicações e Artes/Educomunicação, da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).

A Rádio USP-FM pode ser sintonizada em 93,7 MHz/SP ou pelo link http://jornal.usp.br/radio/

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.