Diversidade em Ciência #27 – Édima Mattos fala sobre o acometimento da anemia falciforme na população negra

Os indivíduos portadores do traço falciforme HbAS são mais frequentes no Brasil, afetando de 6% a 10% da população negra

Por
Diversidade em Ciência
Diversidade em Ciência
Diversidade em Ciência #27 - Édima Mattos fala sobre o acometimento da anemia falciforme na população negra
/

No Diversidade em Ciência, Ricardo Alexino Ferreira entrevista Édima de Souza Mattos, pós-doutora em Análise do Discurso pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP e professora da Faculdade de Medicina da Universidade do Oeste Paulista.

Édima é especialista em Saúde Baseada em Evidências, pelo Hospital Sírio Libanês e pelo Centro Brasileiro de Saúde Baseada em Evidências. É também especialista em Saúde da População Negra pelo Instituto de Saúde do SUS/SP.

Atua no Grupo Gestor de Saúde e Educação do Conselho Estadual da Comunidade Negra do Estado de São Paulo e na Secretaria de Justiça e Cidadania do Estado de São Paulo.

Ela é também coordenadora do Núcleo de Avaliação de Tecnologias em Saúde da Faculdade de Medicina de Presidente Prudente, que teve projeto finalista no prêmio internacional de inovação na segunda edição do Prêmio H-Innova Health Innovation com o desenvolvimento de um protótipo para monitorar a saúde de pacientes com anemia falciforme e dotado de sistema de alerta para as crises.

Édima Matos fala sobre os seus projetos de pesquisa em anemia falciforme e os cuidados necessários para atendimento dos pacientes. Ela irá também refletir sobre os dados do Global Burden of Disease, que constatou só em 2019 mais de 14 mil casos de doença falciforme registrados no País, acometendo principalmente a população negra.


Diversidade em Ciência

O Diversidade em Ciência é um programa de divulgação científica voltado para as ciências das diversidades e direitos humanos, e vai ao ar toda segunda-feira, às 13 horas, com reapresentações às terças-feiras, às duas horas da manhã, e aos sábados, às 14 horas, com direção e apresentação do jornalista e professor da ECA-USP e membro da Comissão de Direitos Humanos da USP, Ricardo Alexino Ferreira, e operação de áudio de João Carlos Megale.

O Diversidade em Ciência é gravado nos estúdios do Departamento de Comunicações e Artes/Educomunicação, da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).

A Rádio USP-FM pode ser sintonizada em 93,7 MHz/SP ou pelo link https://jornal.usp.br/radio/

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.