USP assina acordo de cooperação acadêmica com a Universidade de Haifa

O acordo prevê o intercâmbio de docentes, alunos e servidores e a elaboração conjunta de projetos de pesquisa

  • 139
  •  
  •  
  •  
  •  
O reitor Vahan Agopyan (esquerda) e o reitor da Universidade de Haifa, Gustavo Mesch – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

A USP e a Universidade de Haifa assinaram, no dia 27 de agosto, um acordo de cooperação acadêmica, em encontro realizado no prédio da Reitoria.

O acordo prevê o intercâmbio de docentes, pesquisadores, estudantes e membros da equipe técnico-administrativa, a elaboração conjunta de projetos de pesquisa, a organização de eventos científicos e culturais, o intercâmbio de informações e publicações acadêmicas, além da promoção de cursos de disciplinas compartilhados.

A Universidade de Haifa é uma das principais instituições públicas de ensino superior de Israel. Criada em 1972, oferece cursos de graduação e de pós-graduação nas áreas de Humanidades, Ciências Sociais, Direito, Ciências da Saúde e Bem-Estar, Ciências Naturais, Educação e Administração. Possui mais de 18 mil alunos.

“Apesar de algumas Unidades já desenvolverem pesquisas conjuntas com a Universidade de Haifa, como é o caso do Instituto Oceanográfico e da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, a produção ainda é pequena e, com este convênio, poderá ser expandida. Israel é um parceiro estratégico para a USP, e a Universidade de Haifa é uma referência do país”, destacou o reitor da USP, Vahan Agopyan.

Para o reitor da Universidade de Haifa, Gustavo Mesch, a instituição da qual está à frente é uma “universidade jovem, dinâmica e inovadora e que valoriza o empreendedorismo”. Segundo ele, há dois anos a Instituição criou um programa na área de humanidades digitais, que estuda a inter-relação entre as tecnologias digitais e as disciplinas das ciências humanas, e que, a partir da assinatura do convênio, poderá ser contemplado com o intercâmbio de pesquisadores.

Também participaram da cerimônia de assinatura do convênio o cônsul-geral de Israel em São Paulo, Dori Goren; o diretor da Divisão de Relações Externas na área da América Latina, Espanha e Portugal da Universidade de Haifa, Michael Messinger; e a diretora da Associação de Amigos da Universidade de Haifa no Brasil, Carolina Birenbaum.

Pela USP, estiveram presentes o professor emérito da USP, Celso Lafer; o presidente da Agência USP de Cooperação Acadêmica Nacional e Internacional (Aucani), Raul Machado Neto; o vice-diretor do Instituto de Estudos Avançados (IEA), Guilherme Ary Plonski; o docente do Instituto Oceanográfico (IO), Michel Michaelovitch de Mahiques; o professor da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA), Paulo Feldmann; o chefe do Gabinete do Reitor, Gerson Yukio Tomanari; e o assessor do Gabinete, Gerson Damiani.

A Universidade de Haifa está localizada no Monte Carmelo, em Israel – Foto: Divulgação
  • 139
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados