Quatro docentes da USP figuram entre os mais influentes do mundo

A lista Highly Cited Researchers revela quais são os pesquisadores de maior destaque em suas áreas

  • 10,6K
  •  
  •  
  •  
  •  
Arte sobre reprodução Clarivate Analytics

A USP possui quatro docentes na Highly Cited Researchers 2018uma lista dos pesquisadores mais influentes em suas áreas de conhecimento, tendo por base o número de citações por artigos publicados em um período de dez anos. A lista foi divulgada hoje, dia 27 de novembro, pela consultoria Clarivate Analytics.

Figuram na lista os professores Paulo Artaxo, do Instituto de Física (IF); Paulo Andrade Lotufo e Guilherme Vanoni Polanczyk, da Faculdade de Medicina (FM); e Carlos Augusto Monteiro, da Faculdade de Saúde Pública (FSP).

Ao todo, foram selecionados cerca de 4 mil pesquisadores, em 21 áreas do conhecimento. Os Estados Unidos são o país com maior número de pesquisadores mencionados, 2.639 ao todo; em seguida aparece o Reino Unido, com 546; e em terceiro lugar a China, com 482. A Universidade de Harvard (EUA) é a instituição de pesquisa com maior número de pesquisadores, 186.

Além dos docentes da USP, outros oito pesquisadores brasileiros são mencionados: Alvaro Avezum (Instituto de Cardiologia Dante Pazzanese), Luísa Gigante Carvalheiro (Universidade Federal de Goiás), Adriano Gomes da Cruz (Instituto Federal do Rio de Janeiro), Daniel Granato (Universidade Estadual de Ponta Grossa), Miriam Dupas Hubinger (Unicamp), Renata Valeriano Tonon (Embrapa), Ana Maria Baptista Menezes e Cesar Gomes Victora (Universidade Federal de Pelotas).

“A ciência brasileira tem mostrado um crescimento excepcional e sua presença só aumenta internacionalmente. Dentre esses cientistas, é um orgulho ver a presença sempre marcante de pesquisadores da nossa Universidade. É uma amostra da qualidade da ciência desenvolvida aqui”, destaca o pró-reitor de Pesquisa da USP, Sylvio Roberto Accioly Canuto.

Highly Cited Researchers

Divulgada anualmente pela consultoria Clarivate Analytics desde 2014, a lista Highly Cited Researchers é elaborada a partir de uma análise da quantidade de citações de artigos publicados por um pesquisador ao longo de uma década, utilizando a plataforma Web of Science. Os selecionados para a lista pertencem ao grupo dos 1% de pesquisadores que mantiveram as mais altas médias de citações durante o período.

.

Paulo Eduardo Artaxo Netto é o pesquisador da USP que mais apareceu na lista, sendo mencionado em 2014 (primeira edição), 2015 e 2018. Professor do Instituto de Física, Artaxo atua na área de mudanças climáticas globais, meio ambiente na Amazônia, física de aerossóis atmosféricos e poluição do ar urbana.

.

 

O professor da Faculdade de Medicina, Paulo Andrade Lotufo, atua nas áreas de bioestatística e epidemiologia, em temas como estudo longitudinal de saúde do adulto, estratégia de registro da insuficiência coronariana aguda e estudo de morbidade e mortalidade do acidente vascular cerebral.

 

.

.

Guilherme Vanoni Polanczyk é professor de Psiquiatria da Infância e Adolescência da Faculdade de Medicina e coordena o Núcleo de Pesquisa em Neurodesenvolvimento e Saúde Mental da USP e o Programa de Diagnóstico e Intervenções Precoces do Instituto de Psiquiatria.

.

.

Docente da Faculdade de Saúde Pública, Carlos Augusto Monteiro desenvolve pesquisas na área de nutrição em saúde pública, com estudos sobre determinantes da tendência secular do aleitamento materno e da mortalidade infantil em países em desenvolvimento, metodologia e criação de indicadores para a avaliação antropométrica do estado nutricional de populações, e fenômeno da transição alimentar e nutricional nos países em desenvolvimento.

.

.

  • 10,6K
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados