Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária lança projeto USP na Comunidade

As carretas “Saúde e Ciência” e “Cultura e Educação” oferecerão testes gratuitos de HIV, oficinas de biossegurança e atividades interativas com peças da Matemateca, no Memorial da América Latina, até 29/8

 26/08/2021 - Publicado há 2 meses  Atualizado: 30/08/2021 as 21:07
Por
As carretas estarão até domingo (29/8) no Memorial da América Latina – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

 

Duas unidades móveis da USP estarão no Memorial da América Latina, de 26 a 29 de agosto, oferecendo diversas ações culturais e científicas, como testes de HIV, sífilis e hepatite, oficinas de biossegurança sobre covid-19 e atividades interativas com peças da Matemateca. As atividades são gratuitas e abertas à população.

A ação inaugura o projeto USP na Comunidade, da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU), que levará diversas iniciativas desenvolvidas pela USP para todos os municípios do Estado de São Paulo.

“Esse projeto faz parte de um esforço da USP de se aproximar da sociedade e mostrar o que fazemos. Nós queremos que a população entenda que a USP é uma universidade de todos os paulistas, ela faz parte da solução dos problemas e beneficia toda a sociedade paulista”, ressaltou o reitor Vahan Agopyan, na cerimônia de abertura do evento.

Para a diretora do Centro Brasileiro de Estudos da América Latina, Luciana Latarini Ginezi, “o Memorial da América Latina se sente muito orgulhoso de abrigar, mais uma vez, a USP. Temos uma longa parceria e seguiremos juntos nesse desafio que é o de levar o conhecimento gerado por nossas pesquisas para toda a população”.

A inauguração das carretas USP na Comunidade aconteceu na manhã desta quinta-feira, dia 26 de agosto – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

USP na Comunidade

O projeto USP na Comunidade tem o objetivo de levar ações desenvolvidas por pesquisadores, alunos e servidores da Universidade para toda a população do Estado de São Paulo, por meio de duas unidades móveis equipadas com salas de aula e telas de projeção para apresentações externas, e capazes de transportar uma ampla variedade de materiais didáticos e científicos.

“A USP é muito presente nas cidades em que estão localizados seus campi, e a essência deste projeto é levar a Universidade também para os municípios mais distantes do Estado. Essas carretas vão levar a educação, a cultura e o conhecimento capazes de transformar a realidade”, explicou o vice-reitor Antonio Carlos Hernandes.

As atividades propostas pelas unidades deverão ser baseadas nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), promover a integração com as comunidades locais e contribuir para melhoria na qualidade de vida de toda a população.

A pró-reitora de Cultura e Extensão Universitária, Maria Aparecida de Andrade Moreira Machado, reforça que “neste momento de tantos desafios, nos dá muito orgulho concretizar este projeto que acalentamos desde 2018. Essas carretas rodarão por todo o Estado de São Paulo, levando à sociedade que nos sustenta o conhecimento aqui produzido, a excelência das ações e o acolhimento social”.

O projeto é coordenado pela professora Dionísia Aparecida Cusin Lamonica.

Atividades gratuitas

A unidade móvel Saúde e Ciência oferecerá testes rápidos de HIV, sífilis e hepatite aos visitantes. O Centro de Referência em Alimentação e Nutrição (CRNutri) da Faculdade de Saúde Pública exibirá filmes e distribuirá materiais educativos sobre alimentação sustentável e plantas alimentícias não convencionais.

Também serão realizadas oficinas de biossegurança sobre a covid-19 e uma roda de conversa sobre a prevenção do HIV, em parceria com a Unaids, no sábado (28), a partir das 10h.

Já a unidade móvel Cultura e Educação promoverá atividades interativas com objetos do projeto Matemateca. O acervo do Instituto de Matemática e Estatística (IME) provoca a curiosidade dos visitantes a partir de peças criativas e desafiantes.

As atividades são gratuitas e seguem todos os protocolos sanitários.

As carretas realizarão as atividades das 10h às 16h, na Praça da Sombra, ao lado do Prédio da Administração. O Memorial da América Latina está localizado na Avenida Auro Soares de Moura Andrade, 664, na capital paulista. O acesso é pelos portões 8 e 9.

As carretas são equipadas com salas de aula e telas de projeção para apresentações externas, e capazes de transportar uma ampla variedade de materiais didáticos e científicos – Foto: Marcos Santos/USP Imagens


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.