USP recebe Prêmio Jovem Cientista

A USP foi a premiada na categoria Mérito Institucional por ter inscrito o maior número de estudos com importância científica

 09/03/2007 - Publicado há 15 anos
Por

A USP foi a premiada na 22ª edição do Prêmio Jovem Cientista, na categoria Mérito Institucional, por ter inscrito o maior número de estudos com importância científica.

O anúncio foi feito no dia 6 de março pelo presidente do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCT), Erney Camargo, durante coletiva de imprensa,

em Brasília. O vice-reitor, Franco Maria Lajolo, compareceu ao evento.

O tema deste ano foi “Gestão sustentável da biodiversidade: desafio do milênio”. Entre as pesquisas apresentadas pelos mais de 1.750 alunos inscritos de todo o Brasil, destacaram-se os estudos inovadores e de fácil aplicação, que utilizam os mais variados tipos de materiais. São cascas de banana, embriões de ostras, placas de circuito impresso e borboletas, que ajudam a proteger a biodiversidade.

O Prêmio Jovem Cientista é uma iniciativa do CNPq, do Grupo Gerdau, da Eletrobrás/Procel e da Fundação Roberto Marinho.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.