Inscrições abertas para a disciplina Inovação e Empreendedorismo

As inscrições estarão abertas, de 22 a 28 de junho. A disciplina, oferecida pelo IFSC em parceria com a Agência USP de Inovação, é semipresencial, com atividades virtuais complementadas por cinco encontros presenciais no campus de São Paulo.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Na matéria, os estudantes vão obter conhecimento desde a origem da ideia do negócio até a sua implementação e operacionalização, esboçando um projeto de vida centrado no empreendedorismo como forma de realização pessoal e profissional

Estarão abertas, de 22 a 28 de junho, as inscrições para a disciplina de graduação “Inovação e Empreendedorismo”, oferecida pelo Instituto de Física de São Carlos (IFSC), em parceria com a Agência USP de Inovação. São oferecidas 150 vagas.

O objetivo da disciplina é desenvolver a capacidade empreendedora dos alunos, tanto para aqueles que visam à abertura de negócios quanto para os que não se preocupam com isso, com o intuito de despertar o espírito empreendedor num contexto global.

O conteúdo será voltado para o desenvolvimento da capacidade empreendedora, com ênfase na análise do negócio, perfil do empreendedor, sistema de gerenciamento, técnicas de negociação, planejamento e administração estratégica, qualidade e competitividade.

Semipresencial

Atualmente, a USP oferece 28 disciplinas de graduação com a temática do empreendedorismo. A disciplina “Inovação e Empreendedorismo” foi criada em 2012, e esta será a quinta edição oferecida, sendo realizada no segundo semestre do ano, de forma semipresencial.

Em 2015, houve uma reformulação da disciplina, que passou a ser oferecida com a metodologia “Bota pra Fazer” da Endeavor, organização de apoio a empreendedorismo e empreendedores de alto impacto. Segundo a coordenação do curso, esse modelo consegue unir uma metodologia oferecida on-line, com vídeos e material de apoio, a encontros presenciais mensais, nos quais os alunos têm atividades complementares, como palestras e oficinas, além da interação em grupo, acompanhados por monitores disponíveis em todo o processo.

As atividades serão virtuais – realizadas por meio de vídeos, pesquisas e discussão de casos e leituras orientadas – e complementadas por cinco encontros presenciais no campus de São Paulo, quando serão feitos trabalhos em grupo, oficinas baseadas em metodologias específicas e palestras com empreendedores e financiadores de iniciativas inovadoras para se familiarizar com suas estratégias, atitudes, aptidões e valores.

A carga horária total é de 60 horas, com dois créditos-aula e um crédito-trabalho. As aulas presenciais serão em São Paulo, apesar de a disciplina estar vinculada ao IFSC, para atingir o maior número de alunos de graduação, já que cerca de 70% dos alunos da USP se encontram matriculados no campus da capital. A realização de aulas em outros campi da Universidade também está dentro dos planos da coordenação do curso.

Capacidade empreendedora

A vice-coordenadora da Agência USP de Inovação, Luciane Meneguin Ortega – professora da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) e que têm entre suas linhas de pesquisa a gestão empresarial e da inovação, habitats de inovação e empreendedorismo –, destaca que, como o Brasil é um país em construção, cuja infraestrutura econômica e social vem sendo edificada, exige-se, ainda mais, que sejam realizadas iniciativas criativas, projetos ousados e visões arrojadas.

“As chaves do futuro estão na percepção aguçada e na ação inovadora dos empreendedores, na percepção das tendências que vêm transformando a face do mundo e na atitude que transforma necessidades em projetos para a obtenção de resultados. E, neste contexto, a disciplina mostra que empreender faz parte das atividades diárias de toda e qualquer atividade profissional exercida. Sendo assim, busca despertar no aluno o desenvolvimento de sua capacidade empreendedora, mesmo que ele não tenha o objetivo de abrir um empreendimento. Pois o empreendedorismo pode ser uma opção de carreira, fazendo parte de uma mudança comportamental em termos de atuação profissional em toda profissão escolhida”, explica Luciane.

As inscrições podem ser feitas pelo Sistema Júpiter, onde também há informações sobre a programação, avaliação e bibliografia, de 22 a 28 de junho e, depois, se restarem vagas, de 7 a 14 de julho.

As atividades presenciais serão realizadas na sede da Agência USP de Inovação, localizada na Av. Torres de Oliveira, 76 – Jaguaré, São Paulo.

Mais informações pelos telefones (11) 3091-4495 / 4165.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados