Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares comemora 60 anos

Diversas autoridades tiveram presentes na cerimônia, que faz parte da Semana de Ciência, Tecnologia e Inovação do Ipen, que teve início em 29 de agosto e termina em 2 de setembro, com a realização de diversas atividades relacionadas à inovação tecnológica, difusão científica e cultural.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Para celebrar a data, o Instituto vem realizando, desde o dia 29 de agosto, diversas atividades relacionadas à inovação tecnológica e à difusão científica e cultural, que fazem parte da Semana de Ciência, Tecnologia e Inovação do Ipen,  que termina em 2 de setembro

994X7618
O superintendente do Ipen, José Carlos Bressiani, que está no Instituto há 41 anos

Na tarde do dia 31 de agosto, o Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (Ipen) realizou uma cerimônia para comemorar os seus 60 anos de fundação, no Auditório Rômulo Ribeiro Pieroni do Instituto, com a presença de diversas autoridades.

Na abertura do evento, foram apresentados três vídeos institucionais sobre: os 40 anos dos programas de pós-graduação, os servidores que se aposentaram recentemente e os pesquisadores eméritos do Instituto. As boas-vindas foram dadas pelo superintendente do Ipen, José Carlos Bressiani, que falou sobre a história e as contribuições do Instituto na área nuclear em suas seis décadas de existência.

O superintendente destacou, além da atividade nuclear propriamente dita, a atuação do Instituto na área social, através do fornecimento de radiofármacos, desinsetização de acervos e obras de arte e a formação de mão-de-obra qualificada, com a titulação de mais de 1.500 doutores. “O Ipen é referência, pois foi, é e será o grande protagonista da área nuclear no Brasil”, finalizou.

O diretor de Pesquisa e Desenvolvimento da Comissão Nacional de Energia Nuclear, que faz a gestão do Ipen, Altair Souza de Assis, brincou que completar 60 anos é melhor do que 50, porque a crise existencial já passou e é uma época de consolidação do que foi feito. Ele ressaltou que uma das qualidades do Ipen é ter criado um ecossistema nuclear completo, com ensino, pesquisa e extensão; e que a Comissão tem muito orgulho de tê-lo como uma de suas 14 unidades.

As seis décadas do Ipen também foram citadas pelo vice-presidente regional São Paulo da Academia Brasileira de Ciências (ABC), Oswaldo Luiz Alves, que falou sobre o quanto é difícil uma instituição pública de pesquisa resistir com poucos recursos financeiros, por exemplo.

O reitor Marco Antonio Zago lembrou que teve contato com a medicina nuclear ainda nos tempos de estudante de Medicina; afirmou que, devido ao êxito dos trabalhos realizados em conjunto, “o Ipen não é visto pela Universidade como apenas uma entidade associada à USP” e que o Instituto tem muita relevância. “Parabéns a todos os envolvidos nas atividades do Ipen, pois esta é uma história com muitos atores, os quais têm contribuído com o desenvolvimento da ciência no Brasil”.

994X7772
O reitor Marco Antonio Zago foi uma das autoridades presentes na cerimônia comemorativa

Para finalizar, o secretário de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações, Álvaro Toubes Prata – que representou o ministro Gilberto Kassab –, comentou sobre o papel de órgãos como o Ipen. “Ter instituições como o Ipen é extremamente importante, porque são elas que podem nos levar ao desenvolvimento econômico e social, através do desenvolvimento tecnológico”, lembrou o secretário.

Na cerimônia, também foi entregue o 3º Prêmio Ipen de Inovação Tecnológica – criado para incentivar a inovação no órgão –, ao trabalho “Curativos avançados de baixo custo com nanopartícula de prata”, realizado pelo pesquisador Ademar Benévolo Lugão.

Semana de Ciência, Tecnologia e Inovação

O evento de hoje faz parte da Semana de Ciência, Tecnologia e Inovação do Ipen, que teve início em 29 de agosto e termina em 2 de setembro, com a realização de diversas atividades relacionadas à inovação tecnológica e à difusão científica e cultural.

O primeiro dia teve apresentações musicais e a inauguração do Laboratório Multiusuário do Centro de Lasers e Aplicações (CLA). No dia 30, foram realizadas apresentações técnicas pelos destaques do Ipen nas áreas de Pesquisa e Projeto, e o lançamento do livro “O Ipen e a Inovação Tecnológica”, coordenado pelo diretor de Pesquisa, Desenvolvimento e Ensino do Instituto, Marcelo Linardi. No dia 1º de setembro, às 14h, no Auditório Rômulo Ribeiro Pieroni, acontecerá a palestra “Gandhi, o líder servidor”. E na sexta-feira, dia 2, a partir das 9h, será realizada a atividade Ipen de Portas Abertas, com atividades de difusão científica e a confraternização entre os servidores e seus familiares.

VistadoIPENFotoMarcosSantos043
Vista aérea do Ipen

História

O Instituto é uma autarquia vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação do Estado de São Paulo e gerida técnica e administrativamente pela Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN), órgão do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTI), do Governo Federal.

Além de a autarquia estar localizada na Cidade Universitária “Armando de Salles Oliveira” (Cuaso), no Butantã, ocupando uma área de 500 mil metros quadrados, o Ipen é uma entidade associada à USP para fins de ensino, sendo responsável, junto com a Universidade, pela condução de programas de pós-graduação em nível de mestrado e doutorado.

O Ipen tem destacada atuação em vários setores da atividade nuclear, entre eles: nas aplicações das radiações e radioisótopos, em reatores nucleares, em materiais e no ciclo do combustível, em radioproteção e dosimetria. Os resultados dessa atuação vêm proporcionando avanços significativos no domínio de tecnologias, na produção de materiais e na prestação de serviços de valor econômico e estratégico para o país, possibilitando estender os benefícios da energia nuclear a segmentos maiores de nossa população.

(Fotos: Ernani Coimbra e Marcos Santos)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados