Pró-Reitoria de Graduação lança programa para modernizar laboratórios

O edital do Renovalab tem o objetivo de permitir a renovação dos laboratórios didáticos existentes nas dependências das Unidades, através de recursos para a compra de novos equipamentos e treinamento de recursos humanos. Os projetos devem ser enviados até o dia 31 de maio através do Sistema Júpiter Web.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Espera-se que este programa revitalize o ensino prático na graduação. E, com laboratórios bem equipados, modernos e com práticas inovadoras e desafiadoras, despertar o interesse dos estudantes e engajá-los de maneira mais efetiva no processo de aprendizagem.

A Pró-Reitoria de Graduação lançou o edital do Programa de Renovação de Instrumentos de Laboratórios Didáticos (Renovalab), com o objetivo de permitir a renovação dos laboratórios didáticos existentes nas dependências das Unidades, através de recursos para a compra de novos equipamentos e treinamento de recursos humanos.

Esse Programa visa à renovação constante dos laboratórios, dando condições para possibilitar a transferência do avanço científico e tecnológico ocorrido nas últimas décadas para os cursos de graduação, garantindo assim a excelência do ensino.

A criação do Renovalab resulta da constatação da Pró-Reitora de Graduação a respeito da defasagem de alguns equipamentos nos laboratórios da Universidade e pelo fato de ser de extrema importância que os estudantes de graduação participem de atividades que os levem à prática científica.

“Os alunos têm um aprendizado completo quando tem a oportunidade de praticar o conhecimento teórico nos laboratórios e a ideia é contribuir com as Unidades para dar chance deste aprendizado a todos os alunos de graduação”, destaca a pró-reitora de Graduação, Telma Maria Tenório Zorn.

Segundo a pró-reitora, alguns alunos da graduação já realizam atividades nos laboratórios, mas não são todos. Na maioria das vezes são atividades pontuais e nem sempre ligadas a sua área específica, desenvolvidas nos projetos de iniciação científica ligados às Pró-Reitorias de Graduação, Pesquisa e Cultura e Extensão Universitária, por exemplo.

Características das propostas

Os projetos devem prever propiciar a realização de experimentos pelos quais os alunos sejam estimulados a resolver problemas práticos, buscar novos conceitos, interpretar os dados coletados e apresentá-los de maneira apropriada, além do treinamento de pessoal para a utilização dos equipamentos.

Com esse tipo de abordagem espera-se que os alunos se tornem mais motivados a estudar e pesquisar e, também, que reconheçam a importância de atuarem como copartícipes de seu aprendizado. Com isso, desenvolvam curiosidade científica, espírito crítico e aprendam a trabalhar em equipe, uma habilidade fundamental para o exercício profissional, em qualquer área de atuação. As propostas devem conter a descrição atual das condições dos laboratórios existentes e a justificativa para a aquisição dos novos equipamentos quanto aos seguintes aspectos: qualidade, relevância e impacto; foco no aluno; sustentabilidade; e  avaliação.

“Este edital do Renovalab é uma das formas de criar projetos para o desenvolvimento e apoio da graduação da USP, uma vez que esta área não tem suporte de verba externa, já que os recursos das agências de fomento são destinados para a pesquisa”, ressalta Telma.

Prazo prorrogado

O Programa contará com verba no montante total de R$ 20 milhões e apoiará um ou mais projetos, cujo valor total, por Unidade, seja de, no máximo, R$ 1 milhão, para despesas correntes, tais como: material de consumo, softwares, instalação, recuperação e manutenção de equipamentos e serviços de terceiros (pessoa física ou jurídica); e despesas de capital – aquisição de novos equipamentos, mobiliário específico; substituição de equipamentos obsoletos, adequações no ambiente, necessárias para a instalação dos novos equipamentos e ao desenvolvimento do projeto.

Após a aprovação na Comissão de Graduação (CGs) da Unidade, os projetos devem ser enviados à Pró-Reitoria de Graduação até o dia 31 de maio através do Sistema Júpiter Web – inicialmente, este prazo iria até o final de abril, mas, a pedido das Unidades, foi prorrogado. A análise dos projetos será feita por uma Comissão ad hoc durante o mês de junho. A divulgação dos projetos selecionados e a posterior liberação de recursos à Unidade acontecerá em julho. O prazo para a concretização da proposta será de 18 meses a partir da data da liberação da primeira parcela da verba pela Pró-Reitoria.

O Renovalab faz parte dos Programas Especiais criados pela Pró-Reitoria de Graduação com recursos da própria Universidade. O edital do Renovalab, o formulário de solicitação e as instruções de envio de projetos estão disponíveis no site da Pró-Reitoria de Graduação.

(Foto: Marcos Santos/USP Imagens)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados