PRCEU irá investir R$ 18 milhões em projetos do Programa de Editais 2013

As inscrições estão abertas até 7 de junho. São três editais de apoio a ações de preservação de acervos documentais e museológicos, memória e monumentos da USP, além de atividades de intercâmbio cultural e científico.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Esta segunda edição do programa passou por algumas modificações. Um das novidades desse ano é a inclusão da categoria “Monumentos”, que devem pertencer à USP ou estar localizados em algum de seus espaços. Além disso, a preservação de acervos museológicos deixou de ser uma categoria e ganhou uma linha de financiamento própria

Na tarde do dia 4 de abril, na Sala do Conselho Universitário, foi realizada a cerimônia de lançamento do Programa de Editais de 2013 da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU), que está com inscrições abertas para três editais de apoio a ações de preservação de acervos documentais e museológicos, memória e monumentos da USP, além de atividades de intercâmbio cultural e científico, nos quais serão investidos R$ 18 milhões em projetos de até R$ 500 mil. “Esta cerimônia é uma celebração, é um rito universitário. É uma forma de lançar os projetos, de divulgá-los, é um compromisso público”, destacou no início do evento, a pró-reitora de Cultura e Extensão Universitária, Maria Arminda do Nascimento Arruda.

Em 2012, a PRCEU recebeu a inscrição de cerca de 300 projetos, que foram avaliados por comissões julgadoras formadas por docentes e especialistas, dos quais foram contemplaram 129 projetos, num total de R$ 17,2 milhões investidos. Nesta segunda edição, o programa passou por algumas modificações. Um das novidades desse ano é a inclusão da categoria “Monumentos”, que devem pertencer à USP ou estar localizados em algum de seus espaços. Além disso, a preservação de acervos museológicos deixou de ser uma categoria e ganhou uma linha de financiamento própria.

(esq. p/ dir.) a pró-reitora adjunta de Cultura, Marina Mitiyo Yamamoto; o pró-reitor de Pós-Graduação, Vahan Agopyan; a pró-reitora de Cultura e Extensão Universitária, Maria Arminda do Nascimento Arruda; o pró-reitor de Pesquisa, Marco Antonio Zago; e o pró-reitor adjunto de Extensão Universitária, José Ricardo de Carvalho Mesquita Ayres

A pró-reitora destacou que esses editais marcam uma política nova no âmbito da PRCEU, porque tem o objetivo fundamental de construir não só uma política de cultura, mas também de revelar o que a USP tem na área de cultura e extensão. Maria Arminda contou que a edição de 2012 revelou surpresas, porque antes dos editais, havia na Universidade acervos, documentações e iniciativas que não vinham à luz e não podiam se expressar, e com os investimentos dos editais “trouxemos à luz estas riquezas, que precisam ter voz”, ressaltou.

Editais

O edital “Preservação de Acervos Documentais, Memórias e Monumentos” irá investir R$ 8 milhões em projetos de preservação de acervos escolhidos pelo seu valor histórico, cultural, artístico ou arquitetônico. Os acervos podem estar relacionados tanto à história institucional da USP quanto às memórias da produção acadêmica, artística e cultural da Universidade.

Já o edital “Museus e Coleções Museológicas” visa à preservação e difusão de acervos museológicos, podendo incluir ações de acondicionamento, restauro de peças museológicas e organização de exposições. O valor total a ser investido é de R$ 5 milhões. A USP conta hoje com diversas instituições de guarda de acervo museológico, tanto na capital quanto no interior do estado. Alguns dos museus mais visitados de São Paulo, como o Museu Paulista e o Museu de Arte Contemporânea, são vinculados à USP. “Este acervo pode se perder. E como Instituição pública, a USP precisa preservar isso”, explicou a pró-reitora sobre este edital.

Com um investimento de R$ 5 milhões, o edital “Difusão de Intercâmbio Cultural e Científico” prevê o apoio a atividades de intercâmbio da USP com instituições nacionais e estrangeiras em iniciativas na área de cultura e da extensão universitária. São cinco categorias: exposições, artes performáticas, audiovisual, linguagens híbridas e propostas temáticas.

“Nosso objetivo é formalizar convênios, dar apoio às iniciativas culturais no âmbito da universidade e, ao mesmo tempo, contribuir na formação de agentes culturais”, destacou a pró-reitora sobre o Programa de Editais 2013.

Em todos os editais, os projetos poderão ser apresentados por professores, funcionários e alunos de graduação ou pós-graduação vinculados a Unidades de Ensino e Pesquisa, Museus, Institutos Especializados e Órgãos da USP. Os trabalhos serão avaliados por comissões julgadoras formadas por docentes e especialistas.

Balanço

Durante a cerimônia, a pró-reitora apresentou alguns dados sobre o Programa de Editais 2012 que recebeu projetos de todas as Unidades da USP, e por isso a verba inicial de R$ 13 milhões foi aumentada para mais de R$ 17 milhões “para garantir que projetos de qualidade não ficassem de fora”, lembrou Maria Arminda.

A Escola de Comunicações e Artes (ECA), a Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) e o Hospital Universitário foram as Unidades que tiveram mais projetos contemplados entre o total de 129. Mas, a distribuição pelos campi é dispersa: o primeiro é o de São Paulo, seguido por uma distribuição equilibrada entre as Unidades dos campi de Piracicaba, São Carlos e Ribeirão Preto. Entre os projetos apresentados, 59% foram por docentes, 31% por funcionários e 10% por estudantes, e a maioria receberam investimentos entre R$ 50 a 100 mil.

Para finalizar o evento de lançamento, a pró-reitora disse que após iniciativas como essas não há como recuar. “Porque uma universidade só será grande, e a USP está se encaminhando para ser uma das maiores, com grande responsabilidade com a cultura e a difusão da ciência. Com esses editais quer se assinalar uma mudança para a política da área de cultura e extensão universitária para a USP. Significa institucionalizar a área da cultura”, enfatizou.

Os editais podem ser consultados na íntegra pelo site da PRCEU. As inscrições podem ser feitas até 7 de junho pelo Sistema de Cultura e Extensão. Os projetos contemplados serão conhecidos em setembro.

Mais informações pelo telefone: (11) 3091-3357 ou pelo e-mail: prceueditais@usp.br

(Com informações da Divisão de Comunicação Institucional da PRCEU)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail