Livro marca os 50 anos do curso de Geologia da USP

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Em comemoração aos 50 anos do curso de Geologia da Universidade de São Paulo (USP), foi lançado, no dia 30 de novembro, o livro “Geologia USP 50 Anos” (544 páginas), organizado pelo professor do Instituto de Geociências da Universidade, Celso de Barros Gomes. 

Editado pela Edusp, o livro retrata aspectos ligados à história do curso, pioneiro no Brasil, cujas atividades tiveram início em 1957, no antigo palacete Jorge Street, localizado no número 463 da Alameda Glete, no bairro dos Campos Elíseos,

em São Paulo. Em 1969, o curso passou a ser ministrado na Cidade Universitária e hoje integra o Instituto de Geociências, do qual também faz parte a Licenciatura em Geociências e Educação Ambiental, implantada em 2004. Em 50 anos, o curso já formou mais de 1.500 geólogos. 

Com prefácio do professor Shozo Motoyama, diretor do Centro Interunidades de História da Ciência da USP, a obra é composta por artigos escritos por docentes, ex-docentes e ex-alunos do curso de Geologia, dentre eles, o próprio organizador da obra, Celso de Barros Gomes, que foi aluno da primeira turma formada em 1960. 

O ensino de graduação e pós-graduação, os currículos adotados, as pesquisas realizadas, as contribuições da instituição no domínio da prospecção e exploração do petróleo e do gás, a legislação e atribuição profissional do geólogo, bem como a perspectiva futura da Geologia na USP são alguns dos temas abordados ao longo dos 16 capítulos do livro.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail