Conselho Gestor aprova convênio para segurança do campus de SP

Convênio com a Secretaria de Segurança Pública visa à adoção de ações para implementar medidas de segurança e policiamento na Cidade Universitária “Armando de Salles Oliveira”, em São Paulo.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

O Conselho Gestor do Campus da Capital aprovou hoje, dia 5 de agosto, o convênio que será assinado com a Secretaria de Segurança Pública do Estado visando à adoção de ações para implementar medidas de segurança e policiamento na Cidade Universitária “Armando de Salles Oliveira”, em São Paulo.

O convênio tem como principal premissa o conceito de policiamento comunitário participativo. Como uma das primeiras ações a serem desenvolvidas, está a alocação de equipe fixa de viaturas e equipamentos no campus, para o início das atividades ainda em agosto. Outras ações que fazem parte do plano de trabalho são a capacitação profissional dos policiais militares que atuarão no campus e a identificação dos pontos vulneráveis da Cidade Universitária. Estão previstas a capacitação da comunidade universitária, com o oferecimento de cursos e palestras, e a criação de canais de comunicação entre a comunidade e a Polícia Militar.

Também serão criados o Fórum da Cidadania pela Cultura da Paz, que congregará os diferentes atores da região da Cidade Universitária e entorno, além de representantes de movimentos e organizações sociais, com o objetivo de discutir, propor, avaliar e apoiar ações que previnam e reduzam a violência nesse território. Como parte fundamental desse processo, o Fórum instituirá o Observatório de Segurança Cidadã, que será responsável pelo monitoramento e acompanhamento dos programas e ações.

A cerimônia de assinatura do convênio entre a USP e a Secretaria de Segurança Pública deverá ser realizada na próxima semana. Na ocasião, também será assinado um convênio entre as duas Instituições para o aprimoramento da formação e especialização dos integrantes da Polícia Militar e do desenvolvimento de pesquisas na área de segurança pública, que serão conduzidos, na USP, pela Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária e pelo Núcleo de Pesquisas em Políticas Públicas (NUPPS).

A Cidade Universitária “Armando de Salles Oliveira” possui área de mais de quatro milhões de metros quadrados, com público diário estimado em 100 mil pessoas, entre professores, funcionários, alunos e visitantes. Do total das 42 Unidades de Ensino e Pesquisa da Universidade, 18 estão instaladas na Cidade Universitária, além de três Institutos, dois Museus e o Hospital Universitário.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados