Pós-Graduação discute projeto de internacionalização com a comunidade

Foi debatida a proposta com que a USP concorrerá ao edital do Programa Institucional de Internacionalização (Print) da Capes

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  
Cerca de 100 diretores de unidades e presidentes das Comissões de Pós-Graduação e de Pesquisa participaram da reunião no dia 17 de abril, na Sala do Conselho Universitário, no prédio da Reitoria – Foto Marcos Santos/USP Imagens

Nos dias 17 e 19 de abril, a Pró-Reitoria de Pós-Graduação promoveu encontros com diretores de unidades de ensino e pesquisa, presidentes das Comissões de Pós-Graduação e de Pesquisa e coordenadores dos Programas de Pós-Graduação da Universidade para discutir a proposta que a USP apresentará para concorrer ao edital do Programa Institucional de Internacionalização (Print) da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes).

O Print é um novo programa da Capes, que visa a fomentar o desenvolvimento de planos estratégicos de internacionalização como meio de melhorar a qualidade dos cursos de pós-graduação brasileiros e de conferir maior visibilidade internacional à pesquisa científica realizada no Brasil.

Para isso, as instituições cujos projetos sejam contemplados receberão recursos para o financiamento de atividades como auxílio para missões de trabalho no exterior; manutenção de projetos; bolsas no exterior (doutorado sanduíche e professor visitante) e no País (pós-doutorado e jovem talento com experiência no exterior).

“Vejo com muito bons olhos a iniciativa da Capes em definir uma política institucional de internacionalização. O Brasil está mudando seu patamar de relacionamento internacional na área acadêmica”, avalia o reitor da USP, Vahan Agopyan.

A proposta da USP foi elaborada por um grupo de trabalho coordenado pelo pró-reitor de Pós-Graduação, Carlos Gilberto Carlotti Júnior. Durante sua apresentação, Carlotti destacou alguns pontos do edital e elencou detalhes do projeto da Universidade a ser inscrito no programa da Capes. A USP, assim como as demais instituições de ensino superior, tem até o dia 10 de maio para a inscrição da proposta.

Segundo o pró-reitor, dentre os resultados esperados estão a consolidação das parcerias internacionais, um fluxo maior de estudantes de doutorado no exterior e a mobilidade mais estruturada de docentes.

Após a apresentação do pró-reitor, os participantes do encontro tiveram a oportunidade de esclarecer dúvidas e apresentar sugestões para o aprimoramento do projeto.

O encontro com os coordenadores dos Programas de Pós-Graduação foi realizado no auditório da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo – Foto: Marcos Santos / USP Imagens
  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados