Pós-Graduação adota exame internacional como forma de admissão

A adoção do Graduate Record Examination (GRE) visa à internacionalização dos programas de Pós-Graduação da Universidade

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn13Print this pageEmail
A cerimônia foi realizada na Sala do Conselho Universitário e contou com a presença do vice-presidente da Fapesp, Eduardo Moacyr Krieger (à esquerda) e do reitor da USP, Marco Antonio Zago. (Foto: Marcos Santos / USP Imagens)

A Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) assinaram, no dia 17 de agosto, um memorando de entendimento com o objetivo de atrair os melhores estudantes de doutorado, brasileiros ou estrangeiros, para os programas de Pós-Graduação da USP.

A iniciativa faz parte do Programa de Incentivo à Utilização de Exame Internacional para o Ingresso na Pós-Graduação, da Pró-Reitoria, que promove a adoção de exames como o Graduate Record Examination (GRE) como parte da avaliação para a seleção de alunos de pós-graduação.

A Fapesp disponibilizará trinta bolsas, para todas as áreas de conhecimento, para os alunos que obtiverem a maior pontuação no Graduate Record Examination – teste utilizado como critério de admissão em diversos programas internacionais em mais de 160 países. O exame é administrado pela Educational Testing Service (ETS), organização privada norte-americana sem fins lucrativos.

“Sempre há uma disputa entre expansão e qualidade. A USP já passou por uma grande expansão na Pós-Graduação, agora o foco é valorizar a qualidade. Os instrumentos que melhoram a qualidade são essenciais, mesmo quando fazemos a expansão. Essa parceria com a Fapesp caminha no sentido de atrairmos pesquisadores de qualidade para a Universidade, fortalecendo nossos cursos de Pós-Graduação”, explicou o reitor Marco Antonio Zago.

“A qualidade da Pós-Graduação é altamente dependente da qualidade do aluno e do orientador. Com esse programa, estamos propondo a utilização de um exame internacional de avaliação para aumentarmos a possibilidade de recrutarmos os melhores alunos, tanto do Brasil quanto do exterior. Com isso, ganharemos em qualidade não só na Pós-Graduação da USP, mas também na pesquisa do Estado de São Paulo”, explicou o pró-reitor de Pós-Graduação, Carlos Gilberto Carlotti Jr.

Para o diretor científico da Fapesp, Carlos Henrique de Brito Cruz, “essa é uma excelente maneira de apoiar a iniciativa da USP de adotar o GRE como forma de atrair alunos excelentes para seus cursos de Pós-Graduação. É algo que trará resultados positivos, tornando a USP mais internacional, possibilitando que ela se comunique mais com o mundo e veja como as universidades com as quais nós estamos querendo competir fazem para obter melhores resultados”.

Pontuação

Nessa primeira edição, 48 programas de Pós-Graduação da USP utilizarão as notas do GRE como parte do processo de seleção, além de adotar critérios específicos adicionais, como análise curricular, carta de recomendação ou prova específica.

O Teste Geral do GRE é dividido em seções que avaliam as habilidades de raciocínio verbal, raciocínio quantitativo e escrita analítica. Os candidatos brasileiros ou estrangeiros que, em testes realizados até 15 de outubro de 2017, tenham obtido pontuação superior ou igual a 155 (Verbal Reasoning), 158 (Quantitative Reasoning) e 4,0 (Analytical Writing) podem se inscrever, escolhendo o DI CODE 2348 (University of Sao Paulo Scholarship). A pontuação do candidato será automaticamente enviada à PRPG, que entrará em contato com os alunos pré-selecionados para a conclusão do processo seletivo.

Os candidatos que realizaram o Teste Geral do GRE no período de 1º de janeiro a 17 de agosto de 2017, e que tenham obtido a pontuação necessária, também podem enviar diretamente os resultados do GRE e o interesse em participar da iniciativa pelo e-mail prpg-gre@usp.br, indicando o Programa de Pós-graduação ao qual deseja ingressar.

A lista dos Programas de Pós-Graduação que participam desta iniciativa inovadora da USP em parceria com a Fapesp está disponível na página da Pró-Reitoria de Pós-Graduação. Mais informações pelo e-mail prpg-gre@usp.br.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn13Print this pageEmail

Textos relacionados