Novo programa da USP atrai cerca de 670 doutores recém-titulados

Candidatos se inscreveram em projeto que selecionará 250 pós-doutorandos para atuarem no ensino de graduação

Os candidatos selecionados para as 250 vagas oferecidas pelo programa serão contratados na função de professor colaborador – Foto: USP Imagens

Cerca de 670 doutores recém-titulados, de várias áreas do conhecimento, se inscreveram para participar do Programa de Atração e Retenção de Talentos (Part) da USP. Trata-se de um projeto inédito da Universidade que tem como objetivo oferecer ao pós-doutorando a oportunidade de desenvolver suas competências e habilidades no ensino da graduação.

Os candidatos selecionados para as 250 vagas oferecidas pelo programa serão contratados como docentes da USP, por prazo determinado de um ano (prorrogável por mais 12 meses), na função de professor colaborador e com jornada de trabalho de oito horas semanais. O salário será de R$ 1.279,15, mais auxílio-alimentação no valor de R$ 870,00.

A seleção será feita por um Comitê Gestor e a vigência do contrato terá início em janeiro de 2020.

“A USP segue os modelos internacionais mais eficientes de gestão universitária, devidamente adaptados à legislação nacional. No mundo todo, as principais universidades proporcionam a seus pós-doutorandos a oportunidade de atuar na docência, já que a maioria deles seguirá a carreira acadêmica”, considera o reitor da USP, Vahan Agopyan.

Estavam aptos a se candidatar os doutores regularmente inscritos no Programa de Pós-Doutorado da USP e com título obtido há menos de sete anos. Cada interessado deveria apresentar um projeto de ensino destacando as inovações, a ser avaliado e validado pela Comissão de Graduação da unidade, museu ou instituto especializado de origem e que estivesse em concordância com o projeto acadêmico institucional ou do departamento.

O vice-reitor da Universidade, Antonio Carlos Hernandes, destaca que a proposta do programa não é substituir o quadro docente da USP por pós-doutorandos. De acordo com o planejamento plurianual aprovado pelo Conselho Universitário, está prevista a contratação de 550 novos professores – 150 cargos já foram distribuídos às unidades no ano passado; outros 250 estão previstos até o final de 2019 e 150 novos cargos deverão ser disponibilizados no próximo ano. “A USP se moderniza ao criar um programa inovador como o Part, que trará benefícios ao ambiente de ensino”, ressalta Hernandes.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.