Superintendência de Assistência Social divulga esclarecimento sobre número de auxílios concedidos

Em comunicado, a Superintendência explica como está sendo o processo de concessão dos benefícios aos estudantes

 03/06/2021 - Publicado há 5 meses

Em função de informações equivocadas veiculadas recentemente, a Superintendência de Assistência Social (SAS) divulgou hoje, dia 3 de junho, um comunicado sobre o número de bolsas e auxílios concedidos em 2019 e em 2020 pelo Programa de Apoio à Permanência e Formação Estudantil (PAPFE). Leia, a seguir.

Nota de esclarecimento sobre número de auxílios concedidos pelo PAPFE em 2019 e 2020

A Superintendência de Assistência Social (SAS) esclarece que, até a edição de 2018 do Programa de Apoio à Permanência e Formação Estudantil (PAPFE), os contemplados tinham seus benefícios válidos por 12 meses.

Portanto, em 2019, todos os veteranos e os ingressantes daquele ano, interessados em obter os benefícios, inscreveram-se no PAPFE.

Os aprovados do PAPFE 2019 passaram a ter seus benefícios válidos por 24 meses, isto é, até abril/2021. Logo, não houve necessidade de esses contemplados se inscreverem no PAPFE 2020.

Assim, a concessão do PAPFE 2020 atendeu, majoritariamente, o universo dos alunos ingressantes naquele ano.

Portanto, dada a diferença do universo de alunos pleiteantes, o número de concessões naturalmente caiu entre 2019 e 2020 devido à alteração dos prazos dos benefícios.

Ao se considerar o número de auxílios vigentes em cada ano, o total de auxílios-moradia em 2020 é superior ao de 2019:

  • Em se tratando da alimentação, foram 8.898 auxílios em 2019 e 11.629 em 2020; ou seja, 31% de aumento.
  • Em relação a moradia, estavam vigentes 7.162 auxílios em 2019 e 9.791 em 2020; ou seja, 37% de aumento.

O PAPFE 2021 está ainda em andamento, mas já contabiliza mais de 10.000 auxílios-moradia concedidos.

São Paulo, 03 de junho de 2021

Superintendência de Assistência Social (SAS)


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.