Médicos veterinários residentes organizam eventos on-line para arrecadar recursos

A iniciativa já angariou R$ 50 mil, que foram destinados à compra de equipamentos e material hospitalar para o HU

Editorias: Institucional - URL Curta: jornal.usp.br/?p=332394
Arte: Jornal da USP

Desde o início da pandemia, o Hospital Veterinário (Hovet) da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) já promoveu duas grandes conferências nacionais com o propósito de arrecadar recursos para o Hospital Universitário (HU). A ideia partiu de um grupo de médicos veterinários residentes do Hovet, que também atuam como voluntários no HU.

“Nosso objetivo era organizar um evento que também gerasse recursos para que o Hospital Universitário pudesse comprar equipamentos e materiais, uma pequena contribuição para o combate à pandemia da covid-19”, explicou a residente Thais Poltronieri, uma das idealizadoras da iniciativa.

O grupo procurou o diretor do Hovet, André Luis do Valle de Zoppa, e propôs realizar uma conferência online com o objetivo de apresentar informações sobre os programas de residência veterinária, suas funcionalidades e estrutura hospitalar, em diferentes regiões do Brasil. Imediatamente, Zoppa apoiou o projeto e o Hospital Veterinário assumiu a organização dos eventos.

A Conferência Nacional de Residência em Grandes Animais aconteceu entre os dias 4 e 7 de maio – Foto: Hovet/Divulgação

No início de maio, foi realizada a Conferência Nacional de Residência em Clínica e Cirurgia de Grandes Animais, reunindo participantes de sete Estados brasileiros. Com 821 inscrições, o evento arrecadou R$ 23.225, que foram repassados ao HU, por meio do Programa USP Vida, para a compra de equipamentos e material hospitalar.

O sucesso da primeira conferência motivou a realização, no começo de junho, da Conferência Nacional de Residência em Pequenos Animais, que teve 766 inscrições e arrecadou R$ 27.150, que também serão doados ao HU.

“Com o início da pandemia e a necessidade de afastamento social, os médicos veterinários residentes do Hovet tiveram suas atividades interrompidas. Daí surgiu a iniciativa de apoiar o Hospital Universitário em suas atividades. Essa iniciativa gerou uma oportunidade ímpar para nossos residentes, que passaram a acompanhar os colegas médicos, em diferentes frentes. Os médicos e os médicos veterinários passaram a trabalhar em equipe, sempre tomando todas as medidas de segurança. Esse contato e trabalho conjunto firmaram uma parceria entre os dois hospitais que perdurará, independentemente da pandemia”, afirmou o diretor do Hovet.

Os eventos contaram com a parceria do Instituto Brasileiro de Veterinária (IBVET), da Fundação Medicina Veterinária (Fumvet) e das empresas ABLA Importações, Royal Canin, Veteduka e Vet Aprova.

Residentes voluntários

O trabalho voluntário dos médicos veterinários residentes do Hovet no Hospital Universitário começou em meados de abril, quando um grupo de 17 residentes foi convocado para dar suporte ao atendimento do HU, sem que houvesse o contato direto dos médicos veterinários com os pacientes humanos.

Os voluntários foram divididos em três frentes de atuação: a vigilância epidemiológica por teleatendimento (os residentes entram em contato, por telefone, com os pacientes com sintomas suspeitos, fazem o acompanhamento da evolução e orientam a respeito de cuidados de prevenção e isolamento); atualização do sistema de gestão dos leitos, em conjunto com toda a equipe de saúde; e apoio na recepção e na triagem dos pacientes.

Voluntárias trabalham na vigilância epidemiológica por teleatendimento – Foto: Hovet/Divulgação

“Acho que é uma forma de devolvermos para a sociedade um pouco de tudo o que recebemos quando estamos dentro de uma instituição pública, seja na graduação ou durante o programa de residência. Além disso, estamos ajudando os futuros residentes a conhecer um pouco dos programas de residência que temos no Brasil, saber como é o processo de seleção e aproveitar algumas dicas de quem já passou por isso”, ressaltou Talita Rossetto Barreto, uma das organizadoras do evento de pequenos animais.

É interessante mencionar que muitos dos residentes que trabalharam na organização das conferências não estavam participando diretamente do programa de voluntários do HU. Isso demonstra como todo o grupo buscou se envolver, de um modo ou de outro, nas ações de apoio aos colegas médicos.

 

USP Vida

O projeto USP Vida está voltado a pessoas físicas e jurídicas que tenham interesse em doar recursos diretamente para as pesquisas desenvolvidas pela instituição ou para o Hospital Universitário, a fim de que sejam aplicados em assistência e internação hospitalar.

As doações poderão ser feitas por meio de depósito em conta corrente, transferência bancária ou pagamento em cartão de crédito. Os recursos arrecadados serão administrados por um Comitê Gestor de Cientistas, coordenado pelo pró-reitor de Pesquisa da USP, e alocados em conta específica na Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo (Fusp).

Clique aqui para doar ou saber mais sobre o programa.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.