Diretor ressalta a importância do coletivo para o sucesso do IME

A cerimônia de posse foi realizada no dia 28 de maio, na Sala do Conselho Universitário

[da esq. p/ dir.] O secretário-geral Ignácio Maria Poveda Velasco; o ex-diretor do IME, Clodoaldo Grotta Ragazzo; o diretor Junior Barrera; o reitor Vahan Agopyan; o vice-diretor Luiz Renato Gonçalves Fontes e o vice-reitor Antonio Carlos Hernandes – Foto: Cecília Bastos/USP Imagem
“Nenhuma gestão tem chance de ser bem-sucedida se não for uma realização coletiva. Portanto, espero que estejamos juntos nos próximos quatro anos, todos trabalhando coordenadamente para o bem do Instituto”, afirmou o novo diretor do Instituto de Matemática e Estatística (IME), Junior Barrera.

Barrera e o vice-diretor Luiz Renato Gonçalves Fontes tomaram posse no dia 28 de maio, em uma cerimônia prestigiada por muitos dirigentes da USP, além de docentes e funcionários do Instituto.

Em seu discurso, o diretor lembrou sua trajetória pessoal e a gratidão que sente pela Universidade, mas não deixou de reconhecer que há desafios a serem enfrentados, como a necessidade de expansão da infraestrutura do IME, a evasão e o baixo interesse pelas licenciaturas. “De fato, esse problema da licenciatura é a grande esfinge da sociedade brasileira, que decorre do descaso com a carreira de professor do ensino fundamental e médio. Deixo a pergunta no ar: o que todos nós, juntos, podemos fazer a respeito?”, questionou.

O reitor Vahan Agopyan saudou os novos dirigentes e reforçou a história e a importância do instituto. “Nós não vivemos da glória do passado, temos desafios que são cada vez maiores. A Universidade passa pelo grande desafio de manter a excelência mesmo diante das adversidades que vivemos em nosso País. Temos que ter coragem para identificar nossos problemas e trabalhar para superá-los. É um belo desafio esse que vocês estão assumindo, liderando uma Unidade de excelência internacional, com a responsabilidade de conduzi-la para um futuro ainda melhor”, afirmou o reitor.

A cerimônia também incluiu o descerramento do retrato do professor Clodoaldo Grotta Ragazzo, que passa a integrar a galeria dos diretores do IME.

Descerramento do quadro do ex-diretor Clodoaldo Grotta Ragazzo – Foto: Cecília Bastos/USP Imagem

Textos relacionados