Rádio USP celebra os 300 anos das “Suítes para Violoncelo” de Bach

Programa “Manhã com Bach” começa série sobre essas obras-primas da música universal, criadas em cerca de 1720

Editorias: Cultura - URL Curta: jornal.usp.br/?p=351514
O violoncelista catalão Pablo Casals, “descobridor” das suítes para violoncelo de Bach – Fotomontagem/Jornal da USP

As Seis Suítes para Violoncelo do compositor alemão Johann Sebastian Bach (1685-1750) foram escritas em cerca de 1720, na corte de Köthen, no leste do atual território da Alemanha. Trezentos anos depois, elas são a principal referência no repertório para violoncelo, presença constante nos concertos dos maiores violoncelistas do mundo – entre eles o brasileiro Antonio Meneses, o norte-americano de origem chinesa Yo-Yo Ma e o letoniano Misha Maisky – e uma fonte de encantamento para seus ouvintes.

Para celebrar os 300 anos dessas obras-primas da música universal, o programa Manhã com Bach, da Rádio USP (93,7 MHz), dará início neste fim de semana a uma série com seis episódios, em que será apresentada e comentada cada uma das seis suítes. O programa incluirá também a leitura de trechos do livro As Suítes para Violoncelo – J. S. Bach, Pablo Casals e a Busca por Uma Obra-Prima Barroca, do escritor canadense Eric Siblin, obra premiada pela Federação de Escritores de Quebec, no Canadá, e publicada no Brasil em 2014 pela É Realizações Editora, com tradução de Pedro Sette-Câmara.

Como será dito no programa, as seis Suítes para Violoncelo praticamente caíram no esquecimento após a morte de Bach, em 1750. Somente em 1890, o músico catalão Pablo Casals (1876-1973) – então um adolescente de 13 anos – encontrou numa loja de discos de Barcelona uma velha edição alemã das partituras daquelas obras. Imediatamente o garoto se encantou com o que tinha diante de si. Tanto que levou 12 anos, ensaiando continuamente as suítes, até se decidir a apresentá-las em público. As primeiras gravações das seis peças, feitas por Casals, datam dos anos 1930. Por isso o músico catalão é justamente considerado o “descobridor” das seis Suítes para Violoncelo de Bach.

Manhã com Bach vai ao ar pela Rádio USP (93,7 MHz) sempre aos sábados, às 9 horas, com reapresentação no domingo, também às 9 horas, inclusive via internet, através do site da emissora. Às segundas-feiras ele é publicado em formato de podcast na área de podcasts do Jornal da USP.

As edições anteriores de Manhã com Bach estão disponíveis neste link.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.