Professor analisa as écfrases ao longo da história

De Homero a Foucault, grandes autores fizeram uso da descrição detalhada de objetos de arte

Editorias: Cultura - URL Curta: jornal.usp.br/?p=333285
O quadro As Meninas, de Velázquez – Foto: Reprodução

A detalhada descrição que o filósofo francês Michel Foucault (1926-1984) faz, no início de seu livro A Palavra e as Coisas, da pintura As Meninas, do pintor espanhol Diego Velázquez (1599-1660), é um exemplo moderno de écfrase – termo relacionado à descrição de um objeto qualquer, como uma obra de arte. No mundo antigo, vários autores fizeram uso da écfrase, como o grego Homero, que na Ilíada reproduz em detalhes as cenas esculpidas no escudo de Aquiles.

Representação do escudo de Aquiles, de acordo com o descrito na Ilíada, de Homero – Foto: Angelo Monticelli – Wikimedia Commons

 

O professor Paulo Martins – Foto: extraída do vídeo Écfrase – FFLCH

Esses exemplos foram citados pelo professor Paulo Martins, do Departamento de Letras Clássicas e Vernáculas da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP, no vídeo Écfrase, o mais recente episódio da série Estudos Clássicos em Dia, produzida pela FFLCH. Nele, Martins analisa como esse recurso literário aparece em diferentes obras até se transformar mesmo num gênero.

Coordenador da série de vídeos Estudos Clássicos em Dia, Martins é professor de Língua e Literatura Latina da FFLCH, da qual é o vice-diretor. Atualmente, faz pesquisas sobre discurso teórico greco-latino, poesia lírica, satírica e didática e elegia romana.

Assista ao vídeo Écfrase, da série Estudos Clássicos em Dia, neste link.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.