Osusp divulga programação de final de ano

Além de exibições em unidades da USP e na Sala São Paulo, orquestra se apresentará também na comunidade São Remo, vizinha à Cidade Universitária

Por - Editorias: Cultura
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail
Maestro Jamil Maluf ensaia a OSUSP para temporada 2016 - Foto: Marcos Santos/USP Imagens
A Orquestra Sinfônica da USP durante ensaio para a temporada 2016 – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

A Orquestra Sinfônica da USP (Osusp) divulgou sua agenda de apresentações até o dia 10 de dezembro.

As apresentações incluirão composições de Wolfgang A. Mozart, Joseph Haydn e Heitor Villa-Lobos, entre outros, e contarão com a participação de convidados como o regente Ricardo Bologna e o violinista húngaro Antal Zalai. Os locais de exibição são o Centro de Difusão Internacional (CDI), a Faculdade de Direito (FD), a Escola de Enfermagem (EE) – todos da USP – e a Sala São Paulo.

Está prevista também uma apresentação na comunidade São Remo, vizinha à Cidade Universitária, no bairro do Butantã, em São Paulo, em parceria com o Circo Escola Bom Jesus, no dia 26 de novembro, às 11 horas. Com o tema Um grão de folia, a apresentação terá um número reduzido de músicos, com o formato de “concerto didático”, em que será feita uma preparação com crianças da São Remo antes da apresentação.

Ricardo Bologna será o regente em dois dias de apresentação: no dia 11 de novembro, no CDI, e no dia 12 de novembro, na Sala São Paulo. A apresentação será a mesma nos dois dias e incluirá obras de Heitor Villa-Lobos, Radamés Gnattali e Tchaikovsky. Segundo Bologna, os compositores têm uma grande semelhança, que é buscar inspiração em seus próprios países para compor. “É muito bom que o público vá para ter a oportunidade de ter contato com os três compositores”, diz Bologna.

Ricardo Bologna - Foto: Divulgação/OSUSP
Ricardo Bologna – Foto: Divulgação/Osusp

 

 

 

 

 

 

 

 

 

No que se refere a Villa-Lobos, será feita uma combinação entre músicas tipicamente brasileiras e obras do compositor alemão Johann Sebastian Bach. “Será a música clássica com um sabor brasileiro”, explica Bologna. De Gnattali, será executada uma peça com inspiração na marimba, um instrumento musical que teve origem na África e depois foi exportado para diversos países.

Tchaikovsky, famoso representante da música romântica russa, será visto através da apresentação de sua 5ª Sinfonia, com o “tema do destino”. Esse tema é caracterizado por começar de maneira sombria e depois tornar-se triunfal. “Na 5ª Sinfonia podemos ver uma obra mais madura de Tchaikovsky como compositor”, diz o regente.

Felix Mendelssohn Bartholdy, Joseph Haydn e Sergei Prokofiev são os compositores escolhidos para o concerto do dia 27 de outubro, no Salão Nobre da Faculdade de Direito da USP, sob regência de Gabriel Rhein-Schirato.

As demais apresentações estão marcadas para os dias 31 de outubro, 11, 12 e 25 de novembro, 9 e 10 de dezembro. Os concertos programados para a USP são gratuitos e na Sala São Paulo os ingressos podem ser adquiridos diretamente na bilheteria ou no site www.ingressorapido.com.br.

 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados