Orquestras da USP encerram a temporada de 2018

Orquestra Sinfônica e Orquestra de Câmara se apresentam pela última vez no ano neste final de semana

Por - Editorias: Cultura - URL Curta: jornal.usp.br/?p=213866
  • 7
  •  
  •  
  •  
  •  
A Orquestra Sinfônica da USP – Foto: Divulgação/Osusp

.
Duas orquestras da Universidade – a Orquestra Sinfônica da USP (Osusp) e a Orquestra de Câmara (Ocam) da Escola de Comunicações e Artes (ECA) –
 fazem nesta semana as apresentações de encerramento da temporada de 2018. 

Neste sábado, dia 8, às 21 horas, a Osusp se apresenta na Sala São Paulo. O repertório inclui a Grande Missa em Dó Menor, última missa escrita por Wolfgang Amadeus Mozart em Salzburg, na Áustria, em 1782. A apresentação terá a regência do maestro Marcelo Lehninger e haverá a participação do Coro Contemporâneo de Campinas, regido por Angelo Fernandes. Contará também com as vozes de Carla Cottini, Luísa Francesconi, Daniel Umbelino e Johnny França.

Antes da apresentação na Sala São Paulo, a Osusp realiza um ensaio aberto no dia 7, sexta-feira, às 12h30, no Centro de Difusão Internacional (CDI), na Cidade Universitária, em São Paulo, com o mesmo repertório.

A Orquestra de Câmara (Ocam) da USP, ligada à Escola de Comunicações e Artes (ECA) – Foto: Marcelo Macaue

.Já a Ocam se apresentará no sábado, dia 8, às 17 horas, na Paróquia São Luiz Gonzaga (Avenida Paulista, 2.378, Cerqueira César, em São Paulo), e ainda no domingo, dia 9, às 17h30, no Instituto Tomie Ohtake (Rua Coropés, 88, Pinheiros, em São Paulo).

Nos dois espetáculos, o repertório é o mesmo. Será executado o Concerto Grosso nº 8 em Sol menor, de Arcangelo Corelli, seguido da Sinfonia nº 35 em Ré Maior, “Haffner“, de Mozart, finalizando com o Concertino para Violino e Orquestra de Câmara, do compositor brasileiro César Guerra-Peixe.

Os concertos que encerram a temporada 2018 da Ocam vão ressaltar os próprios músicos da orquestra. Na execução da obra de Corelli, haverá a participação de Pedro Andrade e Matheus Pereira, no violino, e Samuel Oliveira, no violoncelo, como solistas. Felipe Oliveira será o violinista principal na exibição do concertino de Guerra-Peixe. Todos eles são músicos da orquestra. A regência será do maestro Gil Jardim, diretor artístico e regente titular da Ocam.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 7
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados