“Manhã com Bach” exibe a “Paixão Segundo São Marcos”

Música perdida e reconstruída no século 20, obra começa a ser mostrada neste sábado, às 9 horas, pela Rádio USP

Por - Editorias: Cultura - URL Curta: jornal.usp.br/?p=236568
  • 9
  •  
  •  
  •  
  •  
O compositor alemão Johann Sebastian Bach, autor da Paixão Segundo São Marcos –  Foto: Domínio público via Wikimedia Commons

A primeira parte da Paixão Segundo São Marcos (BWV 247), de Johann Sebastian Bach (1685-1750), será apresentada no programa Manhã com Bach, da Rádio USP (93,7 MHz), neste sábado, dia 13, às 9 horas, com reapresentação no domingo, dia 14, também às 9 horas. A segunda parte será exibida no fim de semana seguinte. A obra tem quase duas horas de duração.

Composta para celebrar a Semana Santa de 1731, em Leipzig, na Alemanha, a Paixão Segundo São Marcos reproduz musicalmente os relatos sobre a morte de Jesus Cristo registrados nos capítulos 14 e 15 do Evangelho de Marcos.

Trata-se de uma obra perdida de Bach, que foi parcialmente reconstruída no século 20. A reconstrução foi possível porque Bach reutilizou nessa Paixão vários corais e árias criados para composições anteriores – especialmente a cantata Laß, Fürstin, laß noch einen Strahl, “Deixa, princesa, deixa ainda um brilho” (BWV 198), composta em 1727 para os funerais da rainha e eleitora da Saxônia Christiane Eberhardine.

Houve pelo menos 11 tentativas de reconstruir essa obra de Bach. A versão que será apresentada no programa é do musicólogo inglês Simon Heighes, publicada em 1995. A interpretação será da Orquestra Barroca da União Europeia e do Ring Ensemble da Finlândia, sob regência de Roy Goodman.

Manhã com Bach vai ao ar aos sábados, às 9 horas, com reapresentação no domingo, também às 9 horas, inclusive via internet, pela Rádio USP (93,7 MHz).

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 9
  •  
  •  
  •  
  •