Forró foi o ritmo mais tocado nas rádios nos anos 50 e 60

Músicas da época foram apresentadas no programa “Vira e Mexe”, da Rádio USP

 26/04/2021 - Publicado há 7 meses
O conjunto Quatros Ases e Um Coringa, o primeiro grupo musical a gravar baião – Foto: YouTube/Reprodução

 

Ouça nos links abaixo o programa Vira e Mexe, da Rádio USP (93,7 MHz), transmitido no dia 24 de abril de 2021, que apresentou forrós dos anos 50 e 60.

“O forró dominou, de certa forma, nos anos 50, as rádios brasileiras. O grande sucesso era o ritmo. Tanto que vários cantores importantíssimos daquela época acabaram gravando o ritmo, principalmente o baião.”

Foi o que disse o apresentador do programa Vira e Mexe, da Rádio USP (93,7 MHz), Paulinho Rosa, na edição transmitida no dia 24 passado, toda ela dedicada a forrós dos anos 50 e 60.

O primeiro conjunto a gravar baião, o Quatro Ases e Um Coringa, foi ouvido no programa apresentando a música O Machucado, de Luiz Gonzaga e Zé Dantas, em gravação de 1951. Outras músicas exibidas em Vira e Mexe foram, por exemplo, A Fia de Chico Brito, de Chico Anysio, na voz de Dolores Duran, de 1960, e Estrada de Colubandê, de Luiz Vieira, com Ivon Cury, de 1957.

Ouça nos links acima a íntegra do programa.

Dedicado à divulgação do forró e ritmos afins – como baião, xote, xaxado e rastapé –, Vira e Mexe vai ao ar pela Rádio USP (93,7 MHz) sempre aos sábados, às 11 horas, com reapresentação à 0 hora de segunda-feira, inclusive via internet, através do site da emissora. Às segundas-feiras ele é publicado no Jornal da USP. O programa é produzido por Paulinho Rosa (edição) e Dagoberto Alves (sonoplastia). A apresentação é de Paulinho Rosa.

As edições anteriores de Vira e Mexe estão disponíveis neste link.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.