Filme traz a luta pela abolição da escravatura e seus efeitos

“A Última Abolição”, documentário de Alice Gomes, será apresentado nesta semana pelo Canal Brasil

Editorias: Cultura - URL Curta: jornal.usp.br/?p=321677
Cena do documentário A Última Abolição – Foto: Divulgação/Canal Brasil

Nesta quarta-feira, dia 13 – exatos 132 anos depois da assinatura da Lei Áurea, que aboliu a escravidão no Brasil -, o Canal Brasil vai apresentar o documentário A Última Abolição, da diretora Alice Gomes, inédito na televisão. O filme irá ao ar às 20 horas e será reapresentado na quinta-feira, dia 14, às 18h25, na sexta, dia 15, às 16h50, e no domingo, dia 17, às 10h45. Lançada no circuito nacional de cinema em outubro de 2018, a produção aborda o protagonismo dos escravos na luta pela própria liberdade, as revoltas dos negros em favor da emancipação, o papel dos quilombos, as ações dos movimentos abolicionistas no século 18 e a falácia da democracia racial no Brasil. A duração é de 1 hora e 22 minutos.

“O documentário narra cronologicamente o contexto histórico e os fatores da sociedade brasileira que culminaram na abolição total da escravatura no dia 13 de maio de 1888”, divulgou o Canal Brasil, em nota. “A partir do depoimento de especialistas em diversos campos, como sociologia, história e direito, o filme constrói um painel que avalia a forma como os livros escolares foram escritos – em sua maioria, por descendentes dos opressores, não dos oprimidos. Os convidados resgatam personalidades negras fundamentais no processo de liberdade, a necessidade de reparação histórica e as dificuldades enfrentadas até hoje por eles.”

“O silenciamento histórico da luta dos negros no Brasil não ocorreu por acaso. É parte de um projeto de nação que não incluía os negros como participantes ativos da sociedade”, disse a diretora Alice Gomes numa entrevista ao site da Globo Filmes, em 2018, por ocasião do lançamento do filme. Nessa entrevista, ela destaca três temas abordados em seu filme: a história de Luiz Gama (1830-1882) – ex-escravo que atuou na advocacia e libertou mais de 500 pessoas do cativeiro -, o processo de abolição da escravatura no Haiti e o movimento político conhecido como Frente Negra Brasileira, que atuou no País nas décadas de 1920 e 1930 e chegou a ser inspiração para os Panteras Negras na luta pelos direitos civis nos Estados Unidos nos anos 60. “Isso é muito inspirador e inovador”, declarou a diretora.

O documentário A Última Abolição, de Alice Gomes, será apresentado no Canal Brasil nesta quarta-feira, dia 13, às 20 horas, com reapresentação na quinta-feira, dia 14, às 18h25, na sexta, dia 15, às 16h50, e no domingo, dia 17, às 10h45. Duração: 1h22.

O Canal Brasil é o número 150 da NET/Claro e 113 da Sky.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.