Especialistas discutem na Rádio USP os reflexos de “Os Sertões”

Produzido pelo Instituto Moreira Salles, programa traz entrevistas com especialistas na obra de Euclides da Cunha

O escritor Euclides da Cunha – Foto: Wikipedia Commons

Uma visão abrangente sobre a obra máxima do escritor Euclides da Cunha é apresentada na série de podcasts Os Sertões – História de Canudos, produzida pelo Instituto Moreira Salles, de São Paulo, que começou a ser transmitida pelo programa USP Especiais, da Rádio USP (93,7 MHz), no final de julho passado.

Dividida em cinco capítulos, a série tem produção e apresentação de Guilherme Freitas. No dia 31 de julho de 2019, o USP Especiais apresentou os dois primeiros episódios.

Os Sertões, de Euclides da Cunha, foi publicado pela primeira vez em 1902 – Imagem: Wikipedia Commons

No primeiro episódio – intitulado Do Livro Vingador -, são entrevistados dois especialistas na obra de Euclides da Cunha: a crítica literária e professora da USP Walnice Nogueira Galvão, e o professor Francisco Foot Hardman, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Eles discutem como o massacre do arraial liderado pelo beato Antonio Conselheiro mudou a visão de Euclides da Cunha sobre o Brasil e como o seu livro, Os Sertões, publicado em 1902, ajudou a perpetuar Canudos no imaginário nacional.

Já o segundo episódio, que tem como título A História dos Vencidos, reconstitui a trajetória de Antonio Conselheiro e a vida no arraial, antes do massacre, através de entrevistas com o historiador Pedro Lima Vasconcellos, professor da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) e organizador do livro Antonio Conselheiro por Ele Mesmo, com textos e sermões do beato, e Manuel Neto, do Centro de Estudos Euclides da Cunha da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Eles discutem as características do homem do sertão baiano, observadas por Euclides.

Ouça nos links acima a íntegra do programa.

USP Especiais vai ao ar sempre às quartas-feiras, às 21 horas, com reapresentação no sábado, às 20 horas, pela Rádio USP. A rádio pode ser ouvida ao vivo pela internet, no endereço www.jornal.usp.br/radio.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •