Curso apresenta a história econômica e social de Santos

Atividade acontece durante todos os sábados de maio, às 14 horas, no Engenho dos Erasmos, em Santos

Por - Editorias: Cultura - URL Curta: jornal.usp.br/?p=241273
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
A vida urbana, as características da cidade e os hábitos da população de Santos nos séculos 19 e 20 serão alguns dos temas abordados no curso promovido pelo Engenho dos Eramos – Fotos: Reprodução

A história da cidade de Santos ao longo dos séculos 19 e 20 ganha destaque no Monumento Nacional Ruínas Engenho São Jorge dos Erasmos. Ligado à Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU) da USP, o órgão recebe nos dias 4, 11, 18 e 25 de maio o curso de difusão História de Santos (Séculos 19 e 20): Formação Econômica e Social.

Percorrendo quatro sábados, sempre das 14 às 18 horas, o curso pretende apresentar um panorama das transformações pelas quais a cidade passou, discutindo a evolução urbana de Santos, sua configuração social e a distribuição populacional durante dois séculos. O papel dos trabalhadores e as mudanças arquitetônicas também integram o conteúdo do curso.

Santos remonta suas origens a 1536, como um povoado vizinho a São Vicente. Em seus primeiros séculos, além do porto privilegiado como ligação com o Rio da Prata, destacou-se pela produção e exportação do açúcar. Durante os séculos 19 e 20, sua importância cresceu graças à modernização do porto e à exportação do café.

Para fazer esse resgate histórico, juntam-se ao coordenador do curso, professor Lelio Luiz de Oliveira, da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto da USP, os pesquisadores Gilvan Leite de Oliveira, Joana Monteleone, Pablo Oller Mont Serrath e Tatianni Cristini da Silva.

As inscrições para o ciclo são gratuitas e voltadas para historiadores, profissionais do turismo, arqueólogos, professores de história e interessados em geral. As vagas são limitadas e devem ser feitas pelo endereço www.engenho.prceu.usp.br. Os participantes receberão certificado ao final do ciclo, correspondente a 16 horas presenciais e 14 horas não presenciais.

O Monumento Nacional Ruínas Engenho São Jorge dos Erasmos é uma base avançada de pesquisa e extensão da USP. Situado na divisa entre os municípios de Santos e São Vicente, é a mais antiga evidência física preservada da colonização portuguesa em território brasileiro, remontando a 1534.

Doado para a universidade em 1958, o Engenho dos Erasmos realiza desde 2004 programas educacionais a partir dos contextos histórico, geográfico, arqueológico, arquitetônico, social e ambiental das ruínas. Por ele circulam e buscam aperfeiçoamentos pesquisadores de diversas áreas.

O Engenho dos Erasmos está localizado na Rua Alan Cíber Pinto nº 96, Vila São Jorge, zona noroeste de Santos. A visitação pode ser feita diariamente, de domingo a domingo, das 9 às 16 horas.

Saiba mais: 

Engenho dos Erasmos une passeio e história em Santos (vídeo da TV USP sobre o Engenho dos Eramos)

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados