USP recebe seminário sobre conflito entre trabalho e vida familiar

Força de trabalho feminina e desigualdades socioeconômicas no Brasil são o contexto em que se insere a pesquisa objeto do seminário

Por - Editorias: Ciências Humanas
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn6Print this pageEmail
Evento debate pesquisa sobre diferenças de gênero envolvendo trabalho e filhos em famílias de baixa renda – Foto: Visual Hunt

No dia 31 de outubro, às 17h30, a Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP sedia o seminário Maternidade, paternidade e trabalho: conflitos entre responsabilidade familiar e trabalho para famílias brasileiras de baixa renda. O evento é promovido pelo Centro de Estudos da Metrópole. A conferência é de Regina Madalozzo, professora associada do Insper e pesquisadora na área de Economia da Família e Gênero.

O crescimento da força de trabalho feminina e as altas desigualdades socioeconômicas no Brasil são o contexto onde se insere a pesquisa objeto do seminário. O estudo feito com grupos de famílias brasileiras de baixa renda pretende apontar as diferenças sentidas para quem trabalha e é mãe em comparação a quem trabalha e é pai. Além disso, analisam-se os fatores contextuais que têm efeito importante nas diferenças de gênero nos conflitos trabalho-família.

A entrada é gratuita, aberta e dispensa inscrição prévia. Todas as informações estão no site do evento.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn6Print this pageEmail

Textos relacionados