Novo número da Série Produtor Rural aborda a planta medicinal pata de vaca

A série destaca os aspectos botânicos e ocorrência da pata de vaca, e também o cultivo e extrativismo, que visa obter o produto da natureza para uso comercial.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

A edição número 60 da Série Produtor Rural, editada pela Divisão de Biblioteca da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba, traz o tema Plantas medicinais: patas de vaca. Dividida em dois capítulos, a série destaca os aspectos botânicos, contendo caracterização, distribuição geográfica e distinção dos gêneros da Bauhinia (nome científico) e, também, o cultivo e extrativismo, que visa obter o produto da natureza para uso comercial.

Devido à grande diversidade vegetal do território brasileiro, muitas são as espécies medicinais encontradas, como as plantas do gênero Bauhinia, pertencentes à família Fabaceae, onde estão agrupadas as diferentes espécies popularmente conhecidas como pata de vaca, ou ainda, em algumas regiões, unhade-vaca, unha de boi ou bauínia. Tradicionalmente, difundiu-se como medicamentosa Bauhinia forficata, que possui flores brancas, pétalas lineares (longas em comprimento e curtas em largura) e folhas com formato bem próximas às marcas deixadas pelas patas dos bovinos. Já nas regiões do Cerrado e Amazônia, a medicina popular registra o uso de Bauhinia rufa (Bong.) Steud. e Bauhinia guianensis Aubl., respectivamente.

Escrita por Alisson Henrique Domingos e Lindolpho Capellari Júnior, a publicação tem 29 páginas, com preço de R$ 5,00, mais R$ 7,50 de frete. Os pedidos da publicação podem ser feitos pelo email publicação.esalq@usp.br.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Esalq

Mais informações: email publicação.esalq@usp.br

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados