USP precisa de mães que estejam amamentando para serem voluntárias em pesquisa

O objetivo é identificar o estresse pós-traumático relacionado à covid-19 e podem participar mulheres que estejam com até 30 dias de pós-parto, com idade igual ou superior a 18 anos, e estar em condições físicas para amamentar

 25/10/2021 - Publicado há 1 mês
Por
Pesquisa na Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) da USP busca puérperas (mães que tiveram filhos nos últimos 30 dias), com idade igual ou superior a 18 anos, em condições físicas para amamentar, que tiveram filhos com idade gestacional a termo (gestação com duração entre 37 e 42 semanas) e que não apresentem anormalidades ou necessidades de cuidados especiais na amamentação, para serem voluntárias na pesquisa Impacto do estresse pós-traumático na autoeficácia materna para amamentar na era da pandemia de covid-19.
A pesquisa é da mestranda Luana Silva Bernardo, orientada pela professora Juliana Cristina dos Santos Monteiro, e tem como objetivos identificar os níveis de estresse pós-traumático relacionados à covid-19, identificar os níveis de autoeficácia materna para amamentar e verificar a associação entre eles. Para participar basta clicar aqui. O link ficará disponível até 31 de dezembro.
Mais informações pelo e-mail: luana.bernardo@usp.br


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.