USP busca voluntários para dois estudos com ayahuasca

Os estudos vão avaliar o efeito da ayahuasca no Transtorno Depressivo Maior e em universitários que fazem uso abusivo de álcool e são realizados por cientistas do Laboratório de Psicofarmacologia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto

 17/09/2021 - Publicado há 1 mês

Pesquisadores do Laboratório de Psicofarmacologia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP buscam voluntários para estudos com a ayahuasca. Um vai avaliar o efeito da ayahuasca, bebida preparada a partir de duas plantas amazônicas conhecidas como chacrona (Psychotria viridis) e o cipó jagube ou mariri (Banisteriopsis caapi), e cetamina, que é um anestésico, no Transtorno Depressivo Maior (TDM). Os participantes devem ter 18 anos ou mais, terem diagnóstico de TDM e bom estado geral de saúde. Para participar, os interessados devem entrar em contato via e-mail: gionorossi@gmail.com

Além disso, os cientistas também buscam voluntários para estudo que vai avaliar o uso da ayahuasca para diminuição do consumo de álcool. Os participantes devem ser universitários, terem 18 anos ou mais e fazerem consumo de álcool de forma abusiva. Para participar, os interessados devem entrar em contato via e-mail: lucas.silvaa94@gmail.com

 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.