Preço do açúcar fecha novembro em queda

Resultado é consequência de maior oferta no mercado internacional; preço do etanol sobe no mercado doméstico

O preço real da saca de 50 kg de açúcar no mercado internacional teve uma leve queda em novembro de 2019, fechando em US$ 14,10, valor 2,32% menor em relação ao mesmo mês de 2018.

A tendência da queda pode ser explicada pelo aumento da oferta no mercado mundial devido à maior produção, principalmente da Índia, que começou a subsidiar sua produção. Essa medida vem sendo questionada junto à Organização Mundial do Comércio. No entanto, nota-se que a produção indiana reduziu seu ritmo, podendo levar a uma alta no preço da saca em 2020.

Dentro do mercado interno, o preço da saca do açúcar tem mostrado uma certa estabilidade. Já o etanol anidro e hidratado mostraram aumento entre junho e novembro de 2019 em 18,6% e 20,7%, respectivamente.

A exportação de etanol teve uma variação negativa em 2017, mas tem mostrado alta desde 2018. Isso pode ser explicado pelas ações do governo federal, principalmente do Ministério da Agricultura, para promover o etanol brasileiro no mercado internacional.

As informações são do Boletim Setor Sucroalcooleiro de dezembro de 2019, feito pelos pesquisadores Francielly Almeida e Marcelo Lourenço Filho e coordenação do professor Luciano Nakabashi da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto (FEA-RP) da USP.

Por: Maria Paula Soeltl

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.