Hospitais brasileiros se preparam para enfrentar a covid-19

Protocolos para proteger profissionais da saúde do contágio são os mesmos para demais doenças infecciosas

Os hospitais brasileiros estão se preparando para um aumento de internações pelo novo coronavírus. Mas para saber se a infraestrutura existente vai dar conta da demanda, é preciso enfrentar o problema de frente. A análise é do infectologista Fernando Bellíssimo Rodrigues, professor da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP) da USP. 

Em entrevista ao Jornal da USP no Ar – Edição Regional, o professor diz que o Sistema Único de Saúde (SUS)  em todo o país, tem destinado leitos em hospitais públicos especificamente para pacientes que estejam com a covid-19.

Quanto aos profissionais que atuam na área, o professor garantiu que existe uma preocupação maior para que principalmente enfermeiros e auxiliares não se contaminem. Para ele, os protocolos são os mesmos para procedimentos em relação a qualquer doença contagiosa.

O professor explicou também que a velocidade na propagação do vírus é o que faz a doença ser mais perigosa em relação à última pandemia declarada pela OMS, que foi em 2009 em função da influenza H1N1.

Ouça a entrevista no link acima.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.