Concerto gratuito com Marisa Monte e Orquestra Sinfônica da USP celebra 90 anos da Universidade

O evento apresentará os maiores sucessos da carreira da artista, que é embaixadora do programa USP Diversa para fomento às ações de permanência estudantil

 11/06/2024 - Publicado há 1 mês     Atualizado: 24/06/2024 as 14:20

Texto: Elcio Silva
Arte: Diego Facundini*

Marisa Monte e Orquestra da USP realizam concerto gratuito em comemoração aos 90 anos da USP.

Marisa Monte – Foto: Divulgação/Leo Aversa

A cantora Marisa Monte se une à Orquestra Sinfônica da USP (Osusp) em um concerto gratuito que celebrará os 90 anos da Universidade. O evento será realizado no próximo dia 22 de junho (sábado), a partir das 15h, na Praça do Relógio, localizada dentro do campus da USP, no bairro do Butantã, em São Paulo. 

O concerto apresentará os maiores sucessos da carreira da artista em arranjos especiais para orquestra, com a regência do maestro André Bachur, e contará com a presença de 60 músicos no palco. Gratuito e solidário, o evento arrecadará alimentos não perecíveis e agasalhos para serem doados para a Central Única das Favelas (Cufa) e doações para o programa USP DiversaNão há necessidade de retirada de ingressos. 

A Orquestra Sinfônica da USP tem regência do maestro André Bachur - Foto: Divulgação

 

“Marisa Monte é uma artista multifacetada, além de uma cantora muito celebrada e uma intelectual. Ela compõe, faz poesia e isso permitiu que a Universidade lhe desse seu título mais prestigioso. Marisa também é uma benemérita da Universidade, pois participa do USP Diversa, que é um programa de apoio aos alunos. Então, é uma alegria e uma honra para a USP tê-la neste evento dos 90 anos”, destaca a vice-reitora da Universidade e coordenadora da Comissão Executiva das comemorações dos 90 anos da USP, Maria Arminda do Nascimento Arruda.

Para Bachur, estar ao lado de Marisa neste importante evento comemorativo é muito especial. “É uma alegria e uma honra fazer parte desta celebração, dividindo o palco com essa artista gigante de nossa música brasileira. Sem dúvida, uma das vozes mais marcantes da história e referência que influenciou e segue influenciando inúmeros artistas, tanto em nosso país quanto fora dele”, ressalta.

“Participar de um concerto gratuito com a Orquestra Sinfônica da USP, no campus da Universidade de São Paulo, maior instituição de educação pública do Brasil, é um sonho pra mim. Viva a música! Viva a educação! Viva a arte e a cultura! Estou muito feliz em poder me apresentar pela primeira vez com uma orquestra, na esperança de ver um grande coral cantando conosco”, afirma Marisa.

Com quase 40 anos de carreira, Marisa Monte lançou seu primeiro álbum, MM, em 1989, a partir de uma gravação para a extinta TV Manchete. Eclética, a coletânea trouxe músicas de diversos artistas como Arnaldo Antunes, Rita Lee, Tim Maia e Luiz Gonzaga, além do sucesso Bem que se quis, versão inédita em português de Nelson Motta para a composição E Po’ che fa, do italiano Pino Daniele.

Além de Bem que se quis, o repertório do concerto que Marisa fará na USP apresentará onze músicas da artista; a composição Carinhoso, de Pixinguinha e Braguinha, que gravou em 2003 ao lado de Paulinho da Viola; e Danzón No. 2, do mexicano Arturo Márquez, que abre o evento. 

Marisa Monte - Foto: Divulgação/Leo Aversa

O público poderá conferir músicas de diversos períodos da carreira da cantora, como Vilarejo; Ainda bem; Beija eu; Magamalabares; Infinito particular; Gentileza; Amor I love you; Carnavália; Maria de verdade; A sua; e Feliz, alegre e forte. Marisa Monte e sua banda não vão cobrar cachê. 

No dia do concerto, as portarias da Cidade Universitária estarão abertas para recebimento do público e o evento contará com estrutura de food trucks, pontos de hidratação e sanitários.

Relação especial

Com uma relação muito especial com a USP, Marisa é embaixadora do USP Diversa, programa de doações voltado para o financiamento de bolsas de permanência estudantil para estudantes em condições de vulnerabilidade socioeconômica, e faz parte da comissão externa das comemorações dos 90 anos da USP.

Além disso, criou o Espaço Imaginário Marisa Monte, no Instituto do Coração (Incor) do Hospital das Clínicas, onde estão disponíveis instrumentos musicais, uma televisão, materiais para desenho e livros doados por diversas editoras para oferecer aos pacientes conforto emocional durante os períodos de internação no hospital.  Em dezembro do ano passado, o Conselho Universitário aprovou a outorga do título de Doutora Honoris Causa à artista. A entrega será realizada em 24 de junho, com transmissão ao vivo a partir das 15h.

De acordo com o Estatuto da Universidade, a honraria é concedida “a personalidades nacionais ou estrangeiras que tenham contribuído, de modo notável, para o progresso das ciências, letras ou artes; e aos que tenham beneficiado de forma excepcional a humanidade, o País, ou prestado relevantes serviços à Universidade”.

A USP foi criada em dia 25 de janeiro de 1934, data em que o então interventor federal no Estado de São Paulo, Armando de Salles Oliveira, assinou o decreto de fundação da instituição.  Um evento realizado na Sala São Paulo, em 25 de janeiro deste ano, marcou o lançamento das comemorações.

Atenção: Jornalistas interessados em cobrir o concerto devem fazer o credenciamento por meio deste formulário.

 

*Estagiário sob supervisão de Moisés Dorado


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.