Wisnik comenta novo filme de cineasta chinês

Jia Zhangke é um dos grandes diretores da nova geração do cinema na China

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O novo filme de Jia Zhangke, Amor até as cinzas, é tema da coluna do professor Guilherme Wisnik desta semana. Jia Zhangke é considerado um dos grandes diretores da nova geração do cinema chinês e, segundo Wisnik, está colocado entre os grandes talentos mundiais. Dirigiu obras como Em busca da vida (Still Life), filme de 2006 vencedor do Festival de Veneza.

Em Amor até as cinzas, Jia Zhangke volta a ter como cenário a cidade de Fengjie, que foi alagada para a construção da barragem de Três Gargantas do Rio Yangtzé, a maior usina hidrelétrica do mundo. A personagem principal é Qiao, interpretada por Zhao Tao, mulher de Jia Zhangke na vida real, que enfrenta a prisão depois de cometer um crime para defender seu amado.

Para Wisnik, Jia Zhangke é um grande analista da China moderna.

Acompanhe o comentário completo no link acima.

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •