Visita de Bolsonaro aos EUA trouxe muitas concessões e poucos ganhos

A opinião é do colunista Alberto do Amaral ao falar sobre os resultados do recente encontro entre Jair Bolsonaro e Donald Trump

 

A recente viagem do presidente Jair Bolsonaro trouxe o sinal verde dos Estados Unidos para a entrada do Brasil na OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico), o clube dos países ricos. Esse era o principal objetivo do governo brasileiro, que vê a entrada na organização como um selo de qualidade de políticas macroeconômicas. O silêncio sobre o protecionismo norte-americano no aço e na soja permaneceu. Em sua coluna semanal para a Rádio USP, o professor Alberto do Amaral Jr. faz um breve balanço do encontro entre Jair Bolsonaro e Donald Trump.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.