Viroses que afetam os olhos aumentam com o fim do verão

Mosquitos hematófagos são responsáveis por transmitir os vírus da dengue, chikungunya, zika vírus e febre amarela

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Na coluna Fique de Olho desta semana o professor Eduardo Rocha fala sobre o aumento das viroses transmitidas por mosquitos hematófagos e os vírus que afetam os olhos, principalmente no fim do verão.   
Esses mosquitos são responsáveis por transmitir os vírus da dengue, chikungunya, zika vírus e febre amarela e, de maneira geral, os quadros clínicos causam febre alta, dores musculares, náuseas e desconforto ocular.

Segundo o professor, esse desconforto nos olhos pode ser diferente de acordo com a doença. No caso da dengue, o indivíduo sente dor na movimentação e atrás dos olhos, diferente da chikungunya e do zika, que produzem dilatação, lacrimejamento e aspecto de cansado. Já no caso da febre amarela, por afetar o fígado, pode deixar os olhos amarelados na mesma intensidade da pele.   

Rocha fala que os desfechos nos quadros clínicos acontecem sem grandes prejuízos para a visão e diminuem junto com os outros sintomas, mas o paciente deve estar atento se houver embaçamento da visão persistente e dor intensa. “Para evitar que um grande número de casos volte a ocorrer, tem que ser feito um bom saneamento e recolhimento de lixo apropriado.”   


Ouça no link acima a íntegra da coluna Fique de Olho.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •