Valorização do saber profissional é tema de seminário

Para professor, é necessário focar na importância crescente da especialização profissional na pós-graduação

  • 5
  •  
  •  
  •  
  •  

jorusp

As maneiras de atrelar a prática profissional e a contribuição para a sociedade à pós-graduação são tema do seminário do Instituto de Estudos Avançados (IEA) da USP. O (Re)discussão sobre as grandes áreas do conhecimento, continuação do primeiro evento que seguia a mesma linha, pretende destacar a importância da atuação prática na especialização.

O professor Rubens Russomano Ricciardi, fundador do curso de Música no campus de Ribeirão Preto e coordenador do encontro, comenta a discussão em torno das fronteiras acadêmicas e a busca pela interdisciplinaridade, questões em efervescência no IEA. Ele contesta os critérios de avaliação de excelência da Universidade, que tem como principal parâmetro a publicação de papers, e não a contribuição social e profissional.

O modelo de pós-graduação de Newton Sucupira, que planejou a pós-graduação no País, previa a dupla modalidade, agregando o saber acadêmico ao saber profissional. Segundo o professor, a modalidade profissional teria sofrido um golpe, sendo colocada em segunda instância, o que trouxe graves prejuízos para a especialização.

“Precisamos recuperar este tempo perdido e valorizar esses saberes que são essenciais para a constituição de uma boa universidade.” Ricciardi comenta que, em Ribeirão Preto, está sendo proposta a primeira pós-graduação profissional  em artes de uma universidade pública em São Paulo, com um mestrado profissional em Música no qual, diferentemente da especialização acadêmica, o produto final não é uma dissertação fruto de pesquisas, mas sim um produto artístico ou didático.

O evento será no dia 29 de junho, às 14 horas, no IEA. A participação é gratuita mediante  inscrição prévia.

Jornal da USP no Ar, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93,7, em Ribeirão Preto FM 107,9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular. Você pode ouvir a entrevista completa no player acima.

  • 5
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados