Uso de antibióticos pode interferir na ação dos anticoncepcionais

Mesmo com o tratamento correto, consumo de determinadas ervas em infusão e fatores externos comprometem a eficácia das pílulas

  • 30
  •  
  •  
  •  
  •  

Na segunda edição do Pílula Farmacêutica desta semana, são apresentados os principais problemas que levam as pílulas anticoncepcionais a perderem eficácia. Esses medicamentos são os contraceptivos mais populares, no entanto, existem fatores que prejudicam o seu efeito mesmo quando tomados de forma correta.

Entre esses fatores está o uso de antibióticos, que podem cortar o efeito do medicamento no organismo por estimular a eliminação acelerada de hormônios, além de destruir as bactérias intestinais, que são responsáveis pela ativação do estrogênio.

Há também algumas ervas, principalmente em forma de infusão, que podem colocar o efeito do anticoncepcional em risco, como, por exemplo, a de São João, que é usada para tratamento da depressão, cujo efeito acelera as atividades das enzimas do fígado, o que pode alterar as concentrações de alguns medicamentos no sangue. Entre os compostos afetados por essas enzimas está o principal componente da maioria das pílulas anticoncepcionais, o estradiol.

Os pesquisadores ainda contam que algumas condições físicas da mulher podem aumentar também as chances de engravidar. Doenças que despertam o vômito ou a diarreia, como doença de Crohn, reduzem a eficácia do anticoncepcional, isso ocorre porque o medicamento é expelido antes mesmo de começar a funcionar.

O boletim Pílula Farmacêutica é apresentado pelos alunos de graduação da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP) da USP, com supervisão da professora Regina Célia Garcia de Andrade e trabalhos técnicos de Luiz Antonio Fontana.

Ouça acima na íntegra o boletim.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 30
  •  
  •  
  •  
  •