Unesco firma parceria para promover a educação midiática no Brasil

Especialista destaca a importância da parceria na sociedade atual

O Instituto Palavra Aberta e a Unesco firmaram no último mês uma parceria para promover a educação midiática dos jovens brasileiros. A cooperação vai capacitar professores para trabalhar com seus alunos temas como o acesso à informação no mundo digital e a função das mídias nas democracias.

Para a professora Maria Cristina Castilho Costa, da Escola de Comunicações e Artes da USP, a educação midiática é essencial tanto para jovens quanto para adultos, principalmente para a compreensão dos contextos das mensagens circulantes e para entender as verdadeiras intenções por trás de tudo que circula nas redes.

A professora também destacou a importância da escola como principal meio para promover a educação midiática, ressaltando que as instituições de ensino não acompanharam o desenvolvimento tecnológico, focando apenas nas linguagens oral e escrita.

Confira acima a matéria completa.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •