Uma leitura para compreender a depressão coletiva dos dias atuais

“Depois do Futuro”, de Franco Berardi, é o lançamento que Giselle Beiguelman recomenda

  • 8
  •  
  •  
  •  
  •  

 

 

O livro Depois do Futuro, do filósofo italiano Franco Berardi, acaba de sair pela Editora Ubu. Uma leitura que Giselle Beiguelman, professora e artista da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, recomenda para as reflexões sobre os momentos de crise que o mundo atravessa (ouça o player acima).  “Este livro foi escrito em 2009, na época do centenário do manifesto Futurista. Parte de uma análise do século 20, marcado pela crença no futuro”, observa a professora. “As reflexões de Berardi nos ajudam a compreender a sensação que começa a se espalhar de que o futuro acabou.”

A professora explica que, apesar das conspirações para a depressão coletiva, o livro não exalta esse tipo de conduta. Comenta que, mesmo sem nenhuma ilusão eufórica, a análise do filósofo é um chamado à atitude crítica em relação ao presente, apostando em uma era pós-futurista. “Esse é um ponto importante, pois Berardi não acredita que os novos movimentos de direita expressam uma retomada do fascismo. Para ele, o sentimento que prevalece hoje é de melancolia: a antiga metáfora do Iluminismo foi subitamente virada do avesso.”

Na avaliação da professora, a expectativa moderna de expansão de luzes foi substituída pelo oposto: “Iluminismo obscuro é a expressão que melhor sintetiza a percepção atual do futuro como algo que ameaça o programa humanista”.

Giselle Beiguelman chama a atenção para as considerações de Berardi no prefácio do livro. O autor considera: “Hoje, pessoas que votam em partidos nacionalistas cresceram na era do individualismo desenfreado, confiaram nas promessas do egoísmo neoliberal e se descobriram perdedoras. Agora é tarde demais para abraçar uma nova esperança, uma nova imaginação: a única coisa que conseguem fazer é compartilhar seu ódio e seu desejo de vingança”. E conclui: “Niilismo é o nome da cultura emergente”.

Quem quiser saber mais sobre as reflexões do livro Depois do Futuro de Franco Berardi acesse:

www.desvirtual.com

 

 

 

 

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 8
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados