Tratamento de câncer de mama pode ter menos efeitos colaterais

Teste em animais de pesquisa com nanotecnologia consegue matar células tumorais sem afetar as saudáveis

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

A especialista em nanotecnologia e pesquisadora da Unesp, Marília Calmon, estuda o desenvolvimento de técnicas que combatam células cancerosas com mais eficiência. Ela explica que nanoemulsões com fotossensibilizadores são internalizados nas células e reações são estimuladas pelo uso de laser. As consequências são a destruição de tecidos cancerosos e a morte das células. Esse processo é completado com a utilização de fármacos.

A pesquisadora explica que essa técnica diminui efeitos colaterais, como a perda de cabelo, por exemplo. O estudo está na fase de experimentos com camundongos, que deve durar cerca de dois anos.

O Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados