Testosterona pode ser indicada para manutenção da saúde feminina

Sua reposição torna-se muito importante na fase do climatério, quando há queda da libido

Foto: Visual Hunt

Quando se pensa em testosterona, um hormônio tipicamente masculino, normalmente lembramos que pode aumentar o número de pelos no corpo, causar acne e engrossamento da voz, muitas vezes de forma irreversível. No entanto, se não administrada de maneira correta, também pode aumentar o endométrio, alterar o tamanho do clitóris e até causar resistência insulínica e doença cardiovascular.

Mas, apesar de tantos efeitos desagradáveis e até irreversíveis, a testosterona é muito importante para as mulheres, principalmente na fase do climatério, quando há uma queda na libido. A diminuição do estrogênio no organismo ocorre ao longo dos anos e sua reposição deve ser feita quando indicada pelo médico.

Segundo o médico José Maria Soares Júnior, professor de Ginecologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, o tratamento medicamentoso só funciona se não houver fatores psicológicos envolvidos, como stress, problemas financeiros, sociais ou com o parceiro.

Acompanhe, pelo link acima, a íntegra da matéria.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.