Teste do pezinho pode detectar até 50 doenças

Exame oferecido pelo SUS cobre apenas 6 doenças. Teste completo é oferecido apenas no Distrito Federal

Neste mês de junho, no dia 6, foi comemorado o Dia Nacional do Teste do Pezinho, exame realizado em recém-nascidos, o qual permite detectar doenças graves antes do aparecimento dos sintomas.

O teste é, na verdade, um conjunto de exames realizados a partir de gotas de sangue coletadas do calcanhar do bebê. O procedimento deve ser feito entre o 3º e o 5º dia de vida do neonato.

Foto: Sesa via Fotos Públicas

Desde 1992, a realização do teste é obrigatória em todo o território nacional e, desde 2001, o Sistema Único de Saúde é contemplado com o Programa Nacional de Triagem Neonatal, criado pelo Ministério da Saúde. Ou seja, todo recém-nascido tem direito a realizar o Teste do Pezinho.

A médica Flavia Piazzon, colaboradora do Ambulatório de Doenças Neurometabólicas do Instituto da Criança do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina (HCFM) da USP e consultora científica da Apae de São Paulo, fala sobre o assunto em entrevista à Rádio USP.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.