Teste de vacina contra a Aids obtém resposta imunológica inédita

Infectologista diz que o próximo passo será testar a eficácia em grupos de pessoas com maior risco de contrair o vírus

  • 3.8K
  •  
  •  
  •  
  •  

jorusp

Pesquisadores de Israel avaliaram uma nova vacina aplicando em pacientes humanos e realizando testes em macacos em cinco países: Ruanda, África do Sul, Tailândia, Uganda e Estados Unidos. Nos pacientes voluntários, a aplicação levou a “respostas imunes robustas” contra linhagens de vírus do HIV. Já os macacos apresentaram 67% de proteção contra o vírus da Aids. Para comentar sobre essa vacina, o Jornal da USP no Ar conversou com o doutor Max Igor Banks Lopes, médico infectologista, coordenador do Ambulatório de Infectologia do Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP).

Foto: John Keith / Domínio público via Wikimedia Commons

Há dois tipos de HIV: enquanto o tipo 2 é restrito à África, o tipo 1 circula no mundo. No entanto, há vários subtipos que possuem diferenças genéticas entre si. Os pesquisadores têm como objetivo a criação de uma vacina ampla que pode ser usada para todos esses subtipos. Na vacina testada, eles selecionaram pontos em comum dos vários tipos de vírus para conseguir induzir produção de um maior número de anticorpos, como aconteceu com os macacos.

O médico afirma que nunca houve um resultado tão eficaz de proteção contra HIV em animais em outros estudos realizados até agora. O próximo passo será testar sua eficácia em grupos de pessoas que possuem maiores riscos de contrair o vírus.

Segundo Lopes, a vacina, além de prevenir, poderia auxiliar no tratamento e no controle de quem já está infectado. Mas ele reconhece que o fato de as pessoas estarem vacinadas não as fazem ser imunes por completo e por isso elas devem tomar medidas básicas de prevenção.

Jornal da USP no Ar, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93,7, em Ribeirão Preto FM 107,9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular. Você pode ouvir a entrevista completa no player acima.

 

  • 3.8K
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados