Setor financeiro vê com mais atenção questões ligadas à sustentabilidade

Encontro realizado em Bruxelas, na Bélgica, mostra a importância das finanças sustentáveis para o setor

 28/03/2019 - Publicado há 2 anos  Atualizado: 29/03/2019 as 10:07

No último dia 21, representantes do setor financeiro mais comprometido com as “finanças sustentáveis” participaram de um encontro, em Bruxelas, na Bélgica, promovido pela Comissão Europeia. Na oportunidade, foi discutido o documento Mudando de Marcha, elaborado em conjunto com a ONU Meio Ambiente.

Para o professor José Eli da Veiga, trata-se de uma “excelente notícia”, visto que, até os anos 2012 e 2013, grande parte do setor financeiro considerava as questões ligadas à sustentabilidade apenas “perfumaria”. Contudo, algumas empresas do setor produtivo se mostravam imbuídas do novo valor da sustentabilidade, como as ligadas ao setor energético e agrícola. “Elas tocavam ações importantes, mas sem apoio dos bancos e das financeiras.”

Eli da Veiga tem algumas hipóteses para explicar essa mudança de pensamento. Uma delas é a postura das empresas de seguros. Entre 2005 e 2013, as catástrofes naturais, como o Furacão Katrina (2004), somadas à crise econômica mundial de 2008, fizeram com que essas empresas levassem mais a sério os relatórios do IPCC, da ONU. “Uma das principais previsões dos relatórios é que as anomalias climáticas e os desastres naturais tenderiam a ser mais frequentes”, informa o colunista. E hoje, às 1o horas, no auditório da Unibes-Cultural, haverá o lançamento do livro de sua autoria O Antropoceno e a Ciência do Sistema Terra.

Ouça no link acima a íntegra da coluna Sustentáculos.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.