São Paulo Fashion Week começa em meio à recuperação do setor têxtil

Segundo maior empregador do Brasil, indústria têxtil não passou ilesa por crise econômica

Por - Editorias: Atualidades, Rádio USP
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Desde o último domingo (27), acontece a 44ª edição do São Paulo Fashion Week (SPFW), conhecido também como Calendário Oficial da Moda Brasileira. Ao todo, 35 desfiles irão ocorrer até o próximo dia 31, no prédio da Fundação Bienal de São Paulo e em locações espalhadas pela cidade. 

Fashion Week, programação do principal evento de moda da América Latina – Foto: Fabio Arantes/ Secom

Para a professora Francisca Dantas Mendes, vice-coordenadora do curso de graduação Têxtil e Moda da USP, “o SPFW deu início à trajetória da moda brasileira, reunindo estilistas distribuídos pelo Brasil, apresentando os seus produtos e abrindo mercado para o setor têxtil divulgar os produtos nacionais”. O Brasil é considerado o quinto produtor têxtil do mundo, o segundo maior empregador da indústria de transformação (perdendo apenas para alimentos e bebidas, juntos), o segundo maior gerador do primeiro emprego e o quarto maior parque produtivo de confecção do mundo. Os dados são da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit).

O setor têxtil não passou ileso pela crise econômica, afirma Francisca, apontando a alta do dólar e do euro como elemento que explica a dificuldade da indústria em importar maquinário e matérias-primas, retraindo o mercado interno. Ouça a íntegra da entrevista, acima.  

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados