Risco de AVC é maior nas mulheres

Entre os fatores, estão a maior expectativa de vida, reposição hormonal, hipertensão e tabagismo

Esta semana, o professor Octávio Pontes Neto fala sobre o maior risco de AVC nas mulheres quando comparadas aos homens. Entre os fatores, a maior expectativa de vida e condições específicas como a reposição hormonal no pós-menopausa. De acordo com o professor, o alto índice de hipertensão, tabagismo e menor acesso à atenção primária e secundária de saúde também são fatores agravantes.

Pontes Neto também fala das atividades da Semana de Combate ao AVC, em decorrência do Dia Mundial do AVC, 29 de outubro. A programação, em Ribeirão Preto, conta com alerta para a população sobre os riscos do AVC e conscientização sobre as causas e a prevenção nos dias 28 e 29, das 8 às 12 horas, na Praça XV de Novembro, no centro da cidade, e no Parque Municipal Luis Carlos Raya, Rua Severino Amaro dos Santos, s/nº, Jardim Botânico. O professor lembra, ainda, que cerca de 90 cidades no Brasil aderiram à campanha. 

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.