Revistas científicas divulgam assuntos de impacto em edições especiais

Revistas científicas agregam assuntos de impacto em edições especiais; na área de esporte o desempenho esportivo é o tema mais procurado

  • 17
  •  
  •  
  •  
  •  

Na coluna Ciência e Esporte desta semana, o professor Paulo Roberto Santiago aborda como as publicações científicas se tornam uma colcha de retalhos de temas e como lidam com assuntos de alto impacto. O professor diz que “em geral as pesquisas são publicadas em revistas científicas cujo tema pode ser muito amplo dentro de uma área de publicação”.

As revistas da área do esporte, por exemplo, aceitam trabalhos em que o autor pode enviar estudos relacionados à psicologia do esporte, também sobre desempenhos de atletas e até mesmo pesquisas médicas. Entretanto, Santiago ressalta que “isso faz com que cada volume da revista se torne um mosaico ou uma colcha de retalhos com várias linhas de atuação e pesquisas dentro de um mesmo volume”.

Em alguns momentos as revistas direcionam as linhas de pesquisas ou temas para assuntos recorrentes. Como exemplo, o professor cita temas voltados para a análise do desempenho no esporte, uma das áreas mais proeminentes nas últimas décadas. “O tema é tão factual que recentemente o periódico Frontiers abriu uma chamada específica para o assunto trazendo trabalhos relacionados ao Big Data em análises do desempenho, a importância da confiabilidade e validade de medições de dados, o uso de inibidores que promovem melhoria no desempenho, entre outros.”

Segundo Santiago, em geral as chamadas surgem com o intuito de promover e divulgar assuntos que muitas vezes estão espalhados. “De certa forma, isso acaba se tornando uma vantagem para as revistas, pois como são assuntos factuais, acabam chamando a atenção.”

Ouça, no link acima, a íntegra da coluna Ciência e Esporte.

 

 

  • 17
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados