Relatório confirma queda dos homicídios e a alta letalidade policial

Sérgio Adorno, coordenador do Núcleo de Estudos da Violência da USP, comenta os dados levantados pela pesquisa

 02/10/2019 - Publicado há 2 anos
Por

 

O Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgou o 13º Anuário Brasileiro de Segurança Pública , que traz os mais novos dados sobre o assunto no Brasil. Entre os dados apurados, dois foram os que mais se destacaram. São eles: a queda no índice de homicídios no País e a alta dos casos de mortes cometidas por policiais.

Foto: Macrovector/123RF

A queda da porcentagem de homicídios registrados no País foi de 10% em 2018, totalizando um número de 57.341 mortes, o menor número desde 2013. Mas, apesar dessa queda, outros dados continuam em alta, como é o caso das mortes infringidas por policiais, cujo número, apesar de estagnado, é ainda grande.

Mas como explicar a discrepância entre esses números? Como, mesmo com queda nos homicídios, a polícia brasileira continua a ser uma das mais letais do mundo? O coordenador do Núcleo de Estudos da Violência (NEV) e professor do Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP , Sérgio Adorno, responde a essas perguntas e comenta os dados trazidos pelo relatório.

Ouça reportagem completa no player acima.

 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.